São Paulo

5º treinador estrangeiro do milênio, Crespo adere hashtag no Instagram

Nicolás Aguilera - Pool/Getty Images

Recém-contratado para ser o treinador do São Paulo nos próximos dois anos, Hernán Crespo está animado com o fato de ter recebido a oportunidade de treinar o clube brasileiro com o maior número de títulos mundiais. A prova disso está nas contas oficiais do jogador e do clube no Instagram. Das 196 publicações que chegou a postar em sua própria rede social, por exemplo, Crespo fez questão de que as duas últimas fizessem referência à sua chegada ao Tricolor Paulista.

Quinto treinador estrangeiro do time desde que o milênio começou no longínquo ano 2000, Crespo aderiu a #CorazónTricolor, que tem sido publicada por fãs e torcedores em mídias como Twitter, Instagram e Facebook.

O ex-atacante argentino chega ao São Paulo após a demissão de Fernando Diniz, que, depois de ser contratado em setembro de 2019, deixou o tricolor no término de janeiro desta temporada. Como jogador, Crespo coleciona algumas passagens memoráveis por clubes como River Plate, de sua terra natal, e Milan. No time italiano, aliás, ele jogou com Kaká, que atualmente exerce uma função não-remunerada no Comitê Avançado de Futebol (CAF) do São Paulo.

Crespo poderá se inspirar em estrangeiros?

O último treinador argentino a comandar o São Paulo foi Edgardo Bauza, treinador com passagens vitoriosas por LDU-EQU, San Lorenzo e Seleção Argentina. Ele esteve à frente do clube na temporada de 2016 e chegou a ajudar o time a conquistar uma posição de destaque na Libertadores da América daquela temporada, que acabou vitoriosa para o Atlético Nacional-COL.

Depois de Patón Bauza, como é mais conhecido o treinador hermano, o uruguaio Diego Aguirre também passou pelo CT da Barra Funda. Ele treinou o São Paulo em 2018 e, no território brasileiro, também soma passagens por Atlético-MG e Internacional, times que disputam o título brasileiro dessa temporada juntamente com o Flamengo.

Antes dos dois, mas após o início dos anos 2000, outros treinadores estrangeiros comandaram o São Paulo da área técnica: o chileno Roberto Rojas foi contratado em 2003 e ajudou na construção do time que, em 2005, ganhou praticamente tudo o que disputou. Já em 2015, foi a vez do colombiano Juan Carlos Osorio desembarcar em São Paulo. Ambos não levantaram nenhuma taça.

Para saber tudo sobre o São Paulo, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram!

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top