Vasco

Adriano Mendes admite que o clube vende pouco e destaca “Vasco é uma fazenda próspera de craques”

Reprodução/VascoTV

Nesta sexta-feira, após a apresentação do balanço financeiro a diretoria administrativa do clube atendeu aos jornalistas.

O VP Financeiro Adriano Mendes ao ser perguntado sobre a venda de jogadores e o impacto de uma grande venda no balanço financeiro respondeu:

– A receita de fato é declinante e ela tem muito a ver com a venda de jogadores. O Vasco realmente vende poucos jogadores e se olhar em relação á média é um problema que a gente identificou. Precisa vender mais é natural do negócio de qualquer time. Se você vende R$100 milhões ou R$ 200 milhões por ano era outro clube independente de qualquer ineficiência. Outro ponto é isso, o Vasco se caracteriza por vender pouco número de jogadores e quando vende é um Paulinho ou Douglas Luiz. Vem um cara. Vender um grande astro ou um atleta promissor. Um só. O Vasco é uma fazenda próspera de craques, um celeiro. Vasco precisa vender mais e entender que faz parte do planejamento de futebol. Não temos que vender só grandes valores, temos que vender jogadores o tempo todo. Já endereçamos isso sem perder de mão o planejamento de futebol.

Além disso o VP Geral, Carlos Roberto Osório adiantou para a torcida cruzmaltina algumas ações que vão ocorrer no próximo mês, como o plano de sócios que será implementado.

– O Vasco é o Vasco por conta da força dos seus torcedores. Tivemos uma reunião semana passada com torcedores e a riqueza de sugestões que surgiram nesta reunião foi algo impressionante. Vasco vai se levantar com trabalho profissional e também com a ajuda da sua torcida. Vamos ter várias maneiras do sócio ajudar. Se preparem que em Maio teremos o novo programa de sócio torcedor. Trabalhamos também para desenvolver ações através da VascoTV que será um grande ativo do clube com novos produtos.

OUTRAS RESPOSTAS

Ajuda dos vascaínos

– A gente pode contar com o apoio da nossa torcida. Algumas ações importantes vão ocorrer nesse primeiro semestre como o programa revitalizado de sócios e algumas ações de marketing que vão trazer novos patrocinadores. Contamos com uma nova receita de patrocinadores e com o plano de sócios que traz uma estabilidade financeira para planejar o Vasco a médio/longo prazo. A torcida vai contribuir muito para que nossa receita seja impulssionada.

Contratos gestão anterior

– O clube não pode parar e a gestão continua. Contratos são assinados no final da gestão e isso é normal. De fato alguns contratos de vulto foram renovados ou assinados no final da gestão, isso pode ser um contexto de ato normal até bom pro clube. Só que todo contrato, ainda mais de vulto, feito no final de um mandato que impacto nos anos pra frente, tem que ser analisado e está sendo feito por nós. Tá sendo avaliado pelas duas unidades tanto a gestão como a de integridade e a princípio são atos normais, mas evidentemente cabe a nós a avaliação.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top