Lutas

AJ McKee mira ida ao UFC e faz desafio a possíveis rivais: “Mandem o contrato”

Reprodução/Instagram AJ McKee

AJ McKee teve um 2021 inesquecível. O lutador americano se tornou o campeão dos penas do Bellator, vencendo o brasileiro Patrício Pitbull, conquistou o torneio da categoria arrecadando US$ 1 milhão e se tornando candidato a ser uma das estrelas da organização.

E quer que 2022 seja tão incrível como foi o ano que acabou de se encerrar. Em entrevista ao TMZ, o campeão dos penas do Bellator declarou que sua principal missão é de se tornar campeão de uma segunda divisão de peso, embora não tenha dito ao certo qual categoria pretende se aventurar.

LEIA TAMBÉM

+ Ex-UFC, Mark Hunt terá de pagar honorários advocatícios de ação e desafia Dana White

+ Adesanya revela ‘último desejo’ antes de uma possível aposentadoria do MMA

– Quero ser duplo campeão. Ser campeão de duas categorias é algo que quero ser. Duplo campeão e aí a gente vai ver o que pode fazer – disse McKee.

Mas não será apenas buscar dentro da entidade que atualmente defende o sonho de ser um dos principais lutadores. O americano também afirmou que pretende no futuro se testar com o UFC e mostrar que é o melhor lutador de sua categoria.

– Mande o contrato, cara, que eu irei assinar. Co-promoção, qualquer promoção, coisas de valentão de quintal. Só quero lutar, amo lutar, amo mais do que dinheiro, fama ou influência. Claramente não é por isso que eu faço. É apenas porque quer ser o melhor atleta do mundo e eu sei que eu sou o melhor peso-pena do mundo, se não um dos melhores lutadores do MMA – declarou AJ McKee, que até se arriscou a dizer que quer lutar boxe contra Floyd Mayweather Jr. e Conor McGregor.

– Quero testar minhas habilidades contra os melhores do mundo e é por isso que sempre desafiei o Floyd. Não é como se eu dissesse que que iria vencê-lo. Só quero me testar com um dos maiores atletas do esportes de combate. Eu estou pronto para qualquer um. No peso-pena, leve ou no meio-médio. Se for no boxe, posso lutar em três categorias – declarou.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top