São Paulo

Alex avalia evolução do São Paulo na Copinha mas destaca: “Temos que estar atentos a todos os detalhes”

Alex Copinha
Fotos: Rubens Chiri / saopaulofc.net

Após vencer o São Caetano e sacramentar a vaga para a próxima fase da Copa São Paulo de Futebol Junior, Alex comentou sobre a situação do Tricolor na competição. O treinador se mostrou satisfeito com a evolução, e considerou um jogo fraco a estreia contra a Desportiva Perilima.

“Iniciamos a competição jogando mal e vencendo, no segundo jogamos bem e goleamos, já no jogo contra o São Caetano a gente estava bem até o minuto 44, na sequência acabamos perdendo a bola e sofrendo o gol na bola parada. E ai no intervalo tem que se acalmar pra tentar reverter”, comentou o treinador.

Todavia, Alex se demonstrou preocupado com o gol sofrido pelo clube diante da equipe do ABC Paulista. O treinador considerou como um momento de desatenção e disse que se a equipe quiser ser campeã, precisa reduzir esse número de erros.

 Para saber tudo sobre o São Paulo, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Facebook e Instagram

“Então agora é um jogo eliminatório, temos que estar muito atentos a tudo, pois se tomamos um gol como no jogo diante do São Caetano e não termos a felicidade de reverter, acabamos ficando de fora. Então temos que estar atentos a todos os detalhes que acontecem dentro do jogo para que a gente possa passar de fase”, avaliou o treinador.

Alex também se disse satisfeito com a atuação de todos do grupo. Na partida contra o Azulão, acabou entrando com uma equipe alternativa, mas, em sua fala acabou levantando a moral de todos do grupo. Segundo ele, é importante utilizar todos os jogadores.

“Eu vejo como natural (as mudanças), nos temos um grupo com 30 jogadores e todos os jogadores jogaram, além disso quem ta dentro do São Paulo é por ter capacidade então é natural que venham ser chamados para ajudar como hoje”.

Agora o São Paulo volta a campo nesta quarta-feira, 13, às 21:45 contra o EC São Bernardo no Anacleto Campanella pela segunda fase da competição.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top