Automobilismo

AlphaTauri perde fôlego e tenta recuperação no GP da Turquia

AlphaTauri
Divulgação / Twitter AlphaTauriF1

A AlphaTauri quer esquecer setembro. A equipe italiana somou apenas 12 pontos nas três provas do mês, todos obtidos no GP da Holanda. Com isso, viu a Alpine abrir distância na quinta colocação do Mundial de Pilotos, mas tenta reverter o cenário em outubro, já no GP da Turquia.

Principal piloto da escuderia, Pierre Gasly abandonou em Monza, ainda com resquícios do acidente com Daniel Ricciardo na classificação sprint. Na Rússia, a situação não foi melhor: a aposta nos pneus errados durante a chuva custou uma amarga 13ª colocação.

Já o novato Yuki Tsunoda está há quatro corridas sem marcar pontos. Terminou em 15º na Bélgica, não completou a prova na Holanda, não largou em Monza e concluiu a prova russa na 17ª colocação, à frente apenas de Nikita Mazepin, da Haas.

— Eu preciso reiniciar depois deste fim de semana e trabalhar no meu desempenho básico, para que eu possa voltar a terminar as corridas dentro da zona de pontuação — admitiu após a prova em Sochi.

Desempenho abaixo do esperado

Em 2020, a AlphaTauri somou 97 pontos nas 15 primeiras corridas do Mundial, muito embora o calendário tenha sido afetado pela pandemia de covid-19. Já nas 15 primeiras provas deste ano, os italianos têm 84 pontos.

O GP da Turquia pode marcar a retomada  da equipe no Mundial de Construtores. Gasly explica que manteve a rotina de treinos, mas preferiu passar mais tempo com a família. O francês também apontou as dificuldades do circuito de Istambul:

— É um layout que eu gosto. Bastante original, com curvas interessantes, uma pista muito técnica, complicada na condução, mas que eu gostei muito no ano passado. É fisicamente exigente, com curvas como a 8, que nunca termina.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook. Conheça nosso canal no Youtube!

Glasy também lembrou a dificuldade de aderência enfrentada na prova da temporada passada:

— No ano passado, tinha muito pouca aderência na pista, o que tornou extremamente difícil ajustar o carro da maneira que eu queria, mas no seco encontramos um bom acerto, embora tenha sido mais complicado no molhado. Deve estar melhor neste fim de semana: acredito que trataram o asfalto para tentar melhorar a situação. Vamos ver como será.

O GP da Turquia acontece no domingo (10), com largada às 9h.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top