Chapecoense

Análise: Chapecoense vai mal e perde para o Atlético-GO

Márcio Cunha/Chapecoense

Nessa última sexta-feira (3), Chapecoense e Atlético-GO se enfrentaram na Arena Condá e a equipe do Dragão venceu a Chape por 1 a 0, em partida válida pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. A equipe de Marcelo Cabo conseguiu abrir o placar apenas nos últimos minutos da partida, em jogada individual de Arthur Henrique ele infiltrou na área e tentou cruzar porém a bola acabou indo para o fundo do gol da Chapecoense.

Para saber tudo da Chapecoense, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook. E se inscreva no nosso YouTube

Desde o primeiro minuto do jogo ambos os times deixaram bem claro seus planos de jogo, a Chapecoense tinha em mente ficar recuada e puxar contra ataques, tática que deu certo defensivamente porém no lado ofensivo pouco funcionou na primeira etapa, pelo lado do Atlético-GO sabendo de todas as dificuldades da Chape o Dragão tentou controlar as ações do jogo, olhando para a posse de bola até que deu certo já que a equipe terminou a partida com 57% de posse de bola, porém poucas chances foram criadas no primeiro tempo.

+ Atlético-GO marca no fim, derrota a Chapecoense e garante permanência na Série A

No segundo tempo as equipes voltaram determinadas a tentar os mesmos planos de jogo do primeiro tempo, o que acabou funcionando melhor do que no primeiro tempo, a Chapecoense conseguiu puxar alguns contra ataques mas faltou qualidade dos seus atacantes para concluírem as jogadas criadas. Pelo lado do Dragão o jogo acabou melhorando já que a Chape se soltava e deixava espaços, e aos 42 minutos em uma boa jogada individual do lateral Arthur Henrique ele entra na área e um cruzamento ruim virou o gol que garante o Atlético-GO na elite do Brasileirão.

A Chapecoense volta a campo na segunda-feira (6), a Chape recebe o Sport na Arena Condá, às 20h, partida que é muito importante para o Verdão do Oeste já que a última partida em casa e a equipe catarinense não venceu uma em casa e essa é a última oportunidade.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top