Conmebol Sul-Americana

Análise: uma mudança de postura é realmente necessária para o Grêmio?

O Grêmio enfrentará a LDU para garantir mais uma classificação em torneio eliminatório.

O Grêmio ganhou a partida de ida contra a LDU, na altitude do Equador. O placar foi magro, 1×0, porém bem simbólico. A equipe gaúcha estava passando por um jejum incômodo de resultados positivos.

No entanto, a equipe gremista adotou uma postura extremamente reativa, por vezes até abdicando de jogar. Formatou-se uma linha de 5, que por vezes aumentava para 6 durante praticamente todo o jogo. Foram, invariavelmente, 90 minutos se defendendo em Quito. Assista o vídeo abaixo e opine!

Diante disso, jogando em casa, com um time tecnicamente superior, dotado de vários talentos individuais, fica o questionamento se a melhor postura para se adotar é a realmente a mais defensiva. Uma vez que, jogará com o resultado a favor, além de contar que o time da LDU ainda está em processo de adaptação ao estilo de jogo do seu novo treinador.

Estigmatizado pelo estilo de jogo defensivo, Luís Felipe Scolari de fato vem adotando uma proposta mais reativa. Foi assim contra Internacional, LDU e Fluminense, e vem dando resultado. Somente deve ter cuidado em chamar demais o adversário e complicar o jogo de maneira desnecessária.

Além disso, pode se utilizar da velocidade dos seus pontos para a aprofundar os espaços deixados pelos laterais do time equatoriano, que por ajudarem ofensivamente, deixam muitos espaços atrás.

O Grêmio tem condições para jogar mais, e agredir mais o adversário, isso é um fato, o questionamento que paira é se Isto é realmente necessário, bem como, se é algo que agrada o seu treinador. A ver…

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top