Mais Esportes

Após período inativo por lesão, Andreescu volta a mostrar bom nível de tênis e chega à final do Masters de Miami

Masters de Miami
Foto: SMG via Imago Images

Bianca Andreescu passou pela grega Maria Sakkari por 2 sets a 1, com parciais de 7/6 (9-7), 3/6 e 7/6 (7-4), pela semifinal do Masters de Miami. A canadense sofreu lesão séria no joelho em 2019. Ano passado estava pronta para o retorno, mas a pandemia do novo coronavírus interrompeu os planos da atleta. Em 2021 jogou apenas o terceiro campeonato. A jovem revelou que está readquirindo ritmo de jogo, já que o talento sempre esteve presente.

Jogadoras que nunca haviam se enfrentado no circuito, a grega e a canadense fizeram um embate duro na semi do Miami Open e de muita intensidade. Andreescu apresentou as armas e abriu 4/1. Vagarosamente Sakkari foi reagindo e recuperou os pontos perdidos no sétimo game. A partir deste instante, a batalha conduziu a um ponto de equilíbrio. As tenistas não davam tentos de graça. O set foi para o tie break e a canadense não se abalou com dois set points favoráveis para a Maria. Seguiu sendo agressiva e fechou a parcial.

Bianca seguiu na mesma toada e manteve o bom momento, abrindo 3/1. A canadense teve a oportunidade de fazer 4/2, mas errou voleio bobo na rede. Guerreira, Sakkari tirou energia interna e modificou o status da peleja. Assim encerrou a parcial em 6/3, igualando a contagem.

A grega aparentava estar com o condicionamento físico superior e isso originou um benefício confortável (4/2). Assim como a oponente fez no set anterior, Andreescu retirou forças de maneira inesperada. Reconquistou a confiança e virou o placar (5/4). Outra vez o confronto foi para o tiebreak. Agora, a canadense apontou um caminho mais tranquilo para a vitória, assegurando vaga para a final do Masters de Miami.

Com o desempenho no Masters de Miami, a tenista garantiu o sexto lugar na classificação da WTA. Em 2019, Bianca desfrutou do seu melhor ano na carreira, com três conquistas relevantes – Indian Wells, Toronto e US Open. Um sinal de atenção para ela são os confrontos duradouros até aqui no torneio. Ganhou quatro pelejas consecutivas no terceiro set.

Ashleigh Barty e Andreescu duelam na finalíssima do certame. Será o primeiro combate entre as jogadoras. A decisão promete ser de alto nível técnico e tático, em razão de que ambas são tenistas de quilate e possuem habilidade acima da média. Apresenta-se também atletas da nova geração, a canadense com apenas 19 anos e a estadunidense tem 24 anos de vida.

LEIA MAIS

Barty derruba Svitolina com facilidade e busca bicampeonato do Miami Open

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top