Campeonato Brasileiro

Borja é decisivo, Grêmio vence o Flamengo no Maracanã e se aproxima de sair do Z-4

LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

Após os duelos pela Copa do Brasil, Flamengo e Grêmio voltaram a se encontrar na noite deste domingo, no Maracanã, desta vez pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. E o Tricolor Gaúcho levou a melhor, vencendo por 1 a 0, gol marcado por Borja ainda no primeiro tempo da partida. O placar poderia ter sido maior se o centroavante colombiano não tivesse desperdiçado um pênalti nos minutos finais da etapa complementar. Uma vitória importantíssima do Imortal na tentativa de sair da zona de rebaixamento.

O jogo

O jogo começou lento e embolado no meio de campo, e o Flamengo já demonstrava que teria dificuldades para furar o bloqueio da defesa do Grêmio. Durante todo o período inicial, o Flamengo tentava de todas as maneiras furar o bloqueio, mas a zaga gremista, formada por Vanderson, Ruan, Rodrigues e Rafinha não permitia. Aliás, é preciso dizer que Rafinha não foi apenas um dos melhores jogadores do encontro, mas também foi o comandante da defensiva tricolor, orientando seus companheiros e fazendo de Ruan, um dos melhores zagueiros da partida.

Pelo lado rubro-negro, a coisa ficava mais acentuada para a defensiva que tinha trabalho dobrado porque o meio de campo rubro-negro de Arão, Adreas, Everton Ribeiro e Vitinho não conseguiu jogar o futebol esperado. Michael e Gabigol não tiveram muita inspiração na noite de hoje, e o goleiro Chapecó teve boa vida durante todo o tempo em que esteve em campo, porque depois teve uma contusão e foi substituído por Brenno, que também não teve nenhum trabalho, porque o ataque rubro-negro não funcionava.

Do outro lado, o atacante Borja incomodava demais a defensiva rubro-negra. Para se ter uma ideia, o Grêmio perigou o gol de Diego Alves por três vezes no primeiro tempo, e o Flamengo não chegou nenhuma vez no gol do Grêmio. O jogo prosseguia da mesma maneira, com o Flamengo martelando e o Grêmio se defendendo e de vez em quando tentava, no contra-ataque, abrir o marcador. A coisa aconteceu já no finalzinho dos descontos, ou mais precisamente aos 47 minutos, quando Ferreira armou o contra-ataque e levou a bola para a linha de fundo e cruzou na medida para Borja, que de cabeça fez o único gol da partida.

Já no segundo tempo, aos três minutos, o jogo ficou paralisado por cinco minutos, porque o goleiro Chapecó trombou com Ruan e não teve condições de voltar. Brenno foi chamado e a partida continuou. Aos 14 minutos, Borja testou a bola para o canto direito e Diego Alves defendeu. Foi um dos poucos trabalhos que teve o goleiro do Flamengo.

Aos 18, Renato resolveu modificar o Flamengo e colocou em campo Bruno Henrique e Pedro, tirando Vitinho e Everton Ribeiro. Logo depois, ou precisamente aos 31 minutos, Renato mostrava insatisfação e mexeu novamente no Flamengo. Colocou em campo Matheuzinho e Kenedy, tirando Isla e Michael. Nesta altura do jogo, o Grêmio dominava o meio de campo e levava algum perigo para a zaga do Flamengo.

O técnico Felipão colocou no Grêmio os jogadores Cortez, Mateus Sarará e Léo Pereira, e tirou Rafinha, Ferreira e Rodrigues, e ainda quase no final, colocou Diogo Barbosa, que entrou no lugar de Santos. O Grêmio teve mais uma oportunidade de aumentar o placar com o pênalti marcado em Léo Pereira, que tirou a bola com a mão. Borja bateu e perdeu. Foi uma defesa segura do pegador de pênalti que é o consagrado Diego Alves.

Como fica?

Com a derrota, o Flamengo fica na terceira colocação do Campeonato Brasileiro, com 34 pontos em 18 partidas disputadas. Já o Grêmio ocupa a 17ª posição, com 22 pontos em 19 jogos.

Próximos compromissos

O Flamengo volta a campo na quarta-feira, quando enfrenta o Barcelona de Guayaquil, no Maracanã, no jogo de ida das semifinais da Libertadores. Enquanto o Grêmio joga somente no próximo domingo, contra o Athletico-PR, em Curitiba, pelo Brasileirão.

CLIQUE AQUI PARA CONFERIR MAIS DESTE TEMPO REAL

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram Facebook

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top