Botafogo

Fluminense vence, avança às semifinais e tira o Botafogo da briga pelo título do Carioca

Fluminense x Botafogo
Foto: Mailson Santana/FFC

BUROCRÁTICO

Não foi um clássico de encher os olhos, mas um time se saiu melhor. O Fluminense venceu o Botafogo por 1 a 0, na tarde deste sábado, no Maracanã, pela décima rodada da Taça Guanabara. O zagueiro Nino apareceu como elemento surpresa na área e fez o o único gol da partida. O Tricolor das Laranjeiras garantiu os três pontos e sua classificação para as semifinais com uma vitória simples. O Alvinegro, por sua vez, está eliminado da competição.

ATAQUE CONTRA DEFESA

A partida começou animada, logo no primeiro minuto de jogo, Kayky fez uma boa jogada pela direita e arrumou um escanteio para o Tricolor. Entretanto, o jogo tomou um rumo diferente na etapa inicial. O Fluminense deteve a posse de bola durante a maior parte do tempo, porém não conseguia transformar em perigo de gol, faltou criatividade e ritmo no meio-campo Tricolor. Já o Botafogo, mal gerou perigo na defesa adversária, não conseguiu ficar com a bola no pé e ficou preso na marcação do Fluminense. Um primeiro tempo bem sem graça no Maracanã, que terminou num empate parcial sem gols.

FEZ E ADMINISTROU

O Fluminense voltou mais ligado do intervalo. Logo aos 4 minutos da segunda etapa, Nenê cobrou uma falta para dentro da área e Nino cabeceou para o fundo das redes. Depois do gol Tricolor, o Botafogo que já tinha dificuldades para chegar ao ataque, não conseguiu criar mais chances e o Fluminense administrou a partida. Cazares fez sua estreia com a camisa do Tricolor das Laranjeiras e entrou bem no jogo: deu ritmo a partida e fez boas jogadas no ataque. O Botafogo não assustou o adversário e a partida terminou em 1 a 0.

AGENDA

O próximo compromisso do Fluminense é pela Libertadores, diante do River Plate, na próxima quinta-feira, às 19h, no Maracanã. Já o Botafogo enfrenta o Macaé, pela última rodada da Taça Guanabara, no próximo sábado (24).

CLIQUE AQUI PARA CONFERIR MAIS DESTE TEMPO REAL
Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top