Campeonato Brasileiro

Com golaço de revelação nos acréscimos, Goiás vence em casa o Palmeiras, que teve um a menos desde o primeiro tempo

Cesar Greco/Palmeiras

Goiás e Palmeiras se enfrentaram hoje, na Serrinha, pela vigésima segunda rodada do brasileirão. E o verdão do cerrado encerrou um grande jejum de vitórias, e bateu o Palmeiras por 1 a 0, com golaço do garoto Miguel, cria da base, aos 48 minutos do segundo tempo.

PRIMEIRO TEMPO

O Palmeiras começou com tudo. Nos primeiros movimentos do jogo, Luiz Adriano já obrigou Tadeu a trabalhar; um chute forte mas que foi no meio do gol, e na sequência, tentou encobrir o goleiro do verdão goiano, que espalmou para escanteio. Somente quando o jogo se aproximava dos 10 minutos o Goiás tentou colocar a bola no chão e trocar passes, mas tinha dificuldades na construção das jogadas, e pouco assustava. O jogo começava a ficar brigado e sem grandes oportunidades de gol. Mas aos 19 minutos da primeira etapa, após erro de David Duarte, o Palmeiras chegou com perigo, mas o garoto Marcelinho errou o alvo e chutou na rede pelo lado de fora.

MUDANÇAS NO LADO PAULISTA

Aos 21, o artilheiro do Palmeiras no campeonato e na temporada, Luiz Adriano, sentiu uma lesão na coxa e logo depois saiu de maca, aos prantos. No minuto seguite, Douglas Baggio, do Goiás, também levou a mão na coxa e saiu lesionado. Aos 35 do primeiro tempo, a posse de bola era de 50% pra cada. Aos 38, o VAR entrou em ação, e após rever falta de Mayke, o árbitro expulsou o jogador do Palmeiras. No minuto seguinte, Keko fez grande jogada pelo lado esquerdo do ataque, e entregou para Shaylon, que chutou desequilibrado por cima da meta. E o jogo esquentou no final da primeira etapa, mas os times pecavam na hora da finalização. E as duas equipes foram pro intervalo no 0 a 0.

SEGUNDO TEMPO

A segunda etapa começou na marcha lenta, com as duas equipes errando muitos passes e sem chegadas de perigo. Somente aos 14 veio a primeira chance clara: após um belo cruzamento de Jefferson, Fernandão subiu alto pra cabecear, mas a bola saiu caprichosamente ao lado da trave. O Goiás começou a ficar com a bola e tentava pressionar, mas o Palmeiras estava com o bote armado para sair em contra-ataque e levava perigo nas escapadas com Patrick de Paula. O garoto do palestra também tentou chutar de longe e obrigou Tadeu a fazer boa defesa.

Quando o jogo se encaminhava para o empate sem gols, Miguel Figueira, deu chute lindo de fora da área indefensável para o goleiro Weverton. E assim o esmeraldino finalmente venceu, após 11 jogos sem vitória, triunfou por 1 a 0 sobre o Palmeiras.

O Palmeiras é o quinto colocado, com 34 pontos. O Goiás segue na lanterna do brasileirão, com 15 pontos.

CLIQUE AQUI PARA CONFERIR MAIS DESTE TEMPO REAL

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

To Top