Campeonato Brasileiro

Grêmio marca duas vezes em 15 minutos e vence o Coritiba em casa

(Raul Pereira / FotoArena)
— Continua depois da publicidade —

A qualidade do elenco do Grêmio não condiz com a sua posição no Brasileirão. Mas atuação da equipe nesta quarta-feira mostra o porque da campanha cheia de altos e baixos. Jogando em casa, o Tricolor venceu por 2 a 1 Coritiba, pela 14ª rodada do Brasileirão.

Mesmo com a conquista dos três pontos, a atuação do Grêmio preocupa mais do que anima o torcedor. Com 15 minutos no primeiro tempo, o time abriu 2 a 0 com Luiz Fernando e David Braz. Após isso, o que se viu foi até uma certa sonolência do Tricolor e um Coritiba que ainda conseguiu reduzir o placar com Nathan Silva.

PRIMEIRO TEMPO

Para o torcedor do Grêmio que assistiu os primeiros quinze minutos de partida, tudo indicava que o time vinha para uma atuação para apagar as más impressões recentes. Em dois ataques, o Tricolor abriu vantagem com gols de Luiz Fernando, de cabeça, e David Braz após passe de Pepê.

Mas o ímpeto e apetite do Grêmio diminuiu e muito após os gols. O técnico Jorginho, do Coritiba, lançou ainda na primeira etapa Giovanni Augusto após sofrer dois gols rápidos. E o meia mudou o ritmo do Coxa que passou a pressionar e levar mais perigo a meta de Vanderlei. Robson inclusive chegou a marcar um golaço, porém anulado pelo VAR por impedimento.

SEGUNDO TEMPO

A sonolência e falta de criatividade do Grêmio vista após abrir dois gols de vantagem, parece ter ficado impregnada na equipe, que voltou ainda sem muita vontade de resolver o jogo. Com isso, o Coritiba teve espaço e mesmo com suas limitações, partiu para cima dos donos da casa. Em jogada de escanteio, Nathan Silva subiu mais que zaga e diminuiu o placar.

O gol não acordou o Grêmio, que seguia sem força e criatividade no meio campo. Motivado pela reação, o Coritiba esboçou uma pressão, mas inferioridade técnica era evidente, mesmo com uma atuação fraca do Tricolor. Mas nada que impedisse que os três pontos ficassem com os gaúchos, para alívio dos torcedores.

EMOÇÃO NO FIM DE JOGO COM MARCELO OLIVEIRA

O momento de maior emoção no fim do segundo tempo ficou a cargo de Marcelo Oliveira. O lateral esquerdo entrou já nos acréscimos, após passar mais de um ano se recuperando de uma gravissíma lesão no joelho. Aos 33 anos, o jogador pisou pela última vez nos gramados como profissional e a partir da quinta-feira assume um cargo na parte da direção técnica do Grêmio.

Após o apito final, o jogador foi amplamente festejado pelos jogadores e mostrou-se visivelmente emocionado com a despedida dos gramados.

COMO FICA

A vitória traz um respiro para o Grêmio na tabela, onde via o Z-4 se aproximar, e com 17 pontos sobe para 11ª posição. O Tricolor agora volta a campo no domingo e visita o Santos, em São Paulo, às 16H.

Já o Coritiba se mantém no Z-4 com apenas 12 pontos e por ora ocupa a 18ª posição, podendo terminar a rodada na lanterna do Brasileirão. No sábado, o Coxa recebe o Fortaleza, no Couto Pereira, às 19H.

CLIQUE AQUI PARA CONFERIR MAIS DESTE TEMPO REAL

Para saber tudo sobre o Campeonato Brasileiro, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

To Top