Conmebol Libertadores

São Paulo perde para o River Plate e está eliminado da Libertadores

Agustin Marcarian - Pool/Getty Images
— Continua depois da publicidade —

O River Plate superou o São Paulo por 2 a 1, em partida válida pela 5ª rodada do grupo D na Libertadores. Em Avellaneda, os Millonarios controlaram o São Paulo e despacharam a equipe brasileira da competição. Autor de dois gols, o jovem Julián Álvarez foi o destaque do jogo que sacramentou o revés são-paulino. No lado Tricolor, Diego Costa marcou o seu primeiro como profissional, mas foi insuficiente para salvar a equipe da eliminação.

DOMÍNIO ARGENTINO

No primeiro tempo, parecia que quem precisava vencer a qualquer custo era o River. A equipe argentina começou pressionando o São Paulo, com ao menos duas chances claras que pararam em Volpi. Na sequência, a blitz Millonaria finalmente deu resultado e aos 10 minutos, Julián Álvarez abriu o placar para o River – guarde o nome dele.

ALEGRIA DUROU POUCO

Na sequência, o Tricolor descolou um escanteio e, na primeira finalização da equipe na partida, Diego Costa mandou de cabeça, empatando o jogo. Com o gol, o Tricolor do Morumbi voltava ao jogo, mas a alegria durou pouco. Dez minutos depois, ele de novo, Julián Álvarez recebeu sozinho na área e ampliou, 2 a 1 River.

TRICOLOR ELIMINADO

No segundo tempo, os Millonarios souberam administrar a vantagem e jogaram pelo contragolpe. O Tricolor assustou o time argentino só na chance perdida por Tréllez e Brenner, no mais, não conseguiu agredir a defesa do River. Jogo terminou em 2 a 1 e o São Paulo está eliminado da Libertadores 2020. A equipe do Morumbi não era eliminada na fase de grupos da competição desde 1987, há mais de 30 anos.

CLIQUE AQUI PARA CONFERIR MAIS DESTE TEMPO REAL

Para saber tudo da Libertadores, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

To Top