Guarani

Após Covid-19, Pablo reconhece limitação física no Guarani: ‘Não estou 100%’

Crédito: Thomaz Marostegan / Guarani FC

De volta aos treinamentos do Guarani para reta final da Série B do Campeonato Brasileiro, Pablo reconhece a deficiência física após testar positivo para Covid-19.

O atacante, titular absoluto sob comando de Felipe Conceição, cumpriu isolamento social obrigatório de dez dias a partir de 03 de janeiro, domingo, e foi desfalque nos jogos contra Ponte Preta e CRB.

LEIA MAIS: De olho no Cuiabá, Guarani treina em São Paulo com três reforços

“Em relação ao período de isolamento, eu acho que, não só para mim, mas para todos é horroroso. Eu sou um cara que, fisicamente, sempre estou preparado, mas é uma doença que a gente não sabe. É uma caixinha de surpresas. Se eu falar para você que estou 100% e se eu estiver que jogar vou estar 100%, estaria mentindo, porque não sou hipócrita”, assumiu, em coletiva de imprensa.

“Eu vou estar disposto se realmente ele optar por mim para trabalhar e ajudar a equipe da melhor forma possível, sabendo das minhas limitações. Entre outras coisas, eu tirei esse período de quarentena para me alinhar realmente com o meu ano de 2021. É claro que eu não queria. É claro que eu queria estar treinando e queria estar jogando, mas, infelizmente, aconteceu de ter que ficar separado”, emendou.

Religioso, Pablo garantiu apoio na fé para superar o momento delicado de saúde antes de ser liberado definitivamente pelo Departamento Médico.

“Eu me apeguei muito à minha família e muito a Deus, porque quando você está isolado… realmente eu fiquei isolado sozinho em casa, nos primeiros dias. Então a gente procura centrar e planejar realmente 2021, sozinho e com Deus. Então foi realmente Deus que me deu forças e me deixou cada dia mais forte para estar aqui novamente”, declarou.

“Dá para perceber que não é só o Guarani, mas todas as equipes tiveram problemas com a Covid. Isso daí é notório. A nossa equipe estava em uma ascensão, e o Covid nos atrapalhou. Isso aí não é desculpa para estarmos precisando de resultado, mas o Covid, enfim, nos atrapalhou, sim”, completou.

TABELA

Com tropeço diante do CRB, o Guarani estaciona em 48 pontos, provisoriamente em sexto lugar na Série B do Campeonato Brasileiro e aguarda desfecho da 34ª rodada.

O Bugre volta a campo nesta quinta-feira, 14 de janeiro, diante do Cuiabá, na Arena Pantanal, às 21h30.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top