Red Bull Bragantino

Red Bull Bragantino se pronuncia sobre casos de COVID

Nota oficial dada pelo clube após erro do hospital
Nota oficial publicada pelo clube em suas redes sociais. Foto: Divulgação/Instagram do Red Bull Bragantino
— Continua depois da publicidade —

Na noite desta sexta-feira (31), a assessoria do Red Bull Bragantino emitiu uma nota oficial falando sobre os casos de COVID-19 que deram positivo na semana da partida contra o Corinthians, mas que, na verdade, foi um engano do hospital Albert Einstein.

O clube vinha fazendo testes diariamente em jogadores e membros da comissão técnica e nenhum teste havia positivado. O teste que o clube faz é considerado do mais confiável, sendo do tipo RT-PCR.

O hospital errou o resultado de 26 testes: 9 jogadores (6 titulares), 4 membros da comissão técnica e 13 funcionários. Todos foram afastados e os jogadores não puderam treinar na quarta-feira (29), porém, horas antes da partida no Morumbi na última quinta-feira (30) o hospital disse que os testes na verdade tinham dado negativo e que os jogadores estariam aptos para a partida. A partida acabou 2 a 0 para a equipe de Itaquera.

Segundo o hospital, “na análise dos processos internos, identificou-se um lote específico de reagentes importados (“primers”) com instabilidade de funcionamento, que foram provavelmente os responsáveis pelos resultados divergentes.”

O clube solicitou um novo teste no dia 30 e nesse novo processamento, os resultados foram negativos, segundo nota emitida pela assessoria do hospital.

Confira a nota publicada pelo clube:

O Red Bull Bragantino vem a público informar que as notícias sobre os resultados divergentes dos testes de Covid-19 realizados no elenco são verídicas.

Em 27 de julho, um dia depois da partida contra o Botafogo, jogadores, comissão técnica e funcionários realizaram testes de PCR conduzidos pelo Hospital Albert Einstein. Diferentemente do que havia acontecido nos ciclos anteriores até então, 23 casos positivos foram apontados. Nove jogadores, quatro membros de comissão técnica e o restante de funcionários do centro de treinamento.

Avisados no fim da noite de terça (28), os atletas foram isolados e não participaram dos treinos pré-jogo na quarta-feira (29). No lugar da atividade, foram levados a dois laboratórios diferentes (Cura e Fleury) para realizarem a contraprova dos exames de PCR. Em ambos, os resultados foram todos negativos.

No dia da partida (30), quinta-feira, esses nove jogadores e quatro membros de comissão foram chamados por volta da hora do almoço para realizarem mais um teste, desta vez no Hospital Albert Einstein. Deixaram a concentração e se dirigiram a São Paulo. Com mais uma leva de resultados negativos, o grupo foi liberado para o jogo pouco mais de 1h30 antes de a bola rolar.

Sabemos que o resultado de campo fica no campo e o ponto principal não é esse. A intenção, agora, é apararmos as arestas para que isso não volte a acontecer tanto no Paulistão quando no Campeonato Brasileiro.

Para saber tudo sobre o RED BULL BRAGANTINO siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

Um comentário

Um comentário

  1. Pingback: Red Bull Bragantino divulga nota após reunião com FPF e Hospital

Deixe uma resposta

As últimas

Ao topo