Juventude

Após o clássico Ca-Ju, Marquinhos Santos parabeniza a atitude e a postura do Juventude ao jogar na casa do maior rival

Reprodução/Juventude

O Juventude empatou o placar contra Caxias no campeonato Gaúcho. O Papo entrou em campo na noite desta segunda- feira (06) pela nona rodada do Estadual. O time guiado pelo técnico Marquinhos Santos jogou na casa do do maior rival, no estádio Centenário, em Caxias do Sul, e jogo finalizou 0 a 0. Ao término da partida, o treinador comentou sobre a evolução do papo na competição, mesmo sem a satisfação de vitória.

– A atitude, a postura da equipe jogando na casa do adversário, em um Clássico fez com que nós conseguíssemos ter uma postura agressiva, em uma partida equilibrada, porém claro que não saímos satisfeitos com o resultado. Até pelo que foi produzido, pelas chances e oportunidades criadas, se tivesse que sair um vencedor, seria nós o Juventude – argumentou o técnico Marquinhos Santos.

O empate no clássico Ca-Ju manteve o Juventude na mesma posição pelo Campeonato Gaúcho. Ainda faltam três jogos para o término da primeira fase, e o Papo segue na quinta colocação, zona classificatória para as semifinais do estadual permanece com um ponto atrás do seu maior rival, Caxias.

Marquinhos Santos fala da evolução do Juventude

O empate contra o Caxias, todavia, teve certa evolução na equipe, em comparação com outros jogos do Papo no Campeonato Gaúcho. Pelo menos é nisso que acredita o técnico Marquinhos Santos.

– O elenco, os atletas do alviverde estão de parabéns. Em função do momento de competição da tabela, do número de jogos, por mais que seja no inicio da temporada. Mas vale lembrar que a gente vem de uma sequencia de temporadas. Mal terminou uma e já iniciou a outra. A equipe evoluiu dentro do modelo de jogo, o elenco demonstrou que tem qualidade, e não tenho receio de colocar quem quer que seja mesmo atletas que pouco jogaram, como referência o jogador Samuel Santos, que veio de uma lesão, com cinco meses parado e deu uma reação muito positiva. Ganhamos mais um atleta para a sequencia de temporada – finalizou o técnico Marquinhos Santos.

O Ju mostrou força na casa do Caxias, e teve chances de sair com a vitória. Dos últimos seis jogos, foram quatro vitórias, um empate, no clássico desta segunda-feira, e uma derrota. Ainda será analisada as lesões dos jogadores – o meio campista Guilherme Castilhos e o zagueiro Cleberson – para o próximo duelo pela Copa do Brasil, em Goiânia, na próxima quinta- feira (8), contra o Vila Nova.

Para saber tudo do Juventude, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook. E se inscreva no nosso YouTube!

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top