Vasco

Após vitória em clássico, Ramon elogia o time do Vasco e projeta próximos duelos com o Botafogo: ‘Vamos ter duas finais’

Ramon Menezes também elogiou a qualidade do time do Botafogo e o treinador Paulo Autuori (Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)
— Continua depois da publicidade —

O Vasco conseguiu, neste domingo, a sua primeira vitória em clássicos em 2020. E pode ter chegado em bom momento. Isto porque, depois do 3 a 2 sobre o Botafogo, no Nilton Santos, o Cruz-Maltino tem mais dois jogos contra o Glorioso. Desta vez, pela Copa do Brasil. O primeiro já é na próxima quinta-feira, no mesmo local, às 19h. O técnico Ramon Menezes elogiou a atuação do seu time após a partida válida pelo Brasileiro. E já avaliou os próximos confrontos.

– É muito bom ganhar, ter uma sequência de vitórias, ficar entre os primeiros da tabela. O Brasileirão é muito difícil, muito equilibrado. Fizemos um clássico diante de um grande adversário e foi só a primeira final que teremos contra eles, por outra competição. Todos os jogos tem sua importância, são decisivos e nós vamos entrar em campo com esse pensamento. O Botafogo foi mais um que respeitamos muito. Eles tem os dois lados do campo com muita força. Três zagueiros, praticamente com uma saída de 3-4-3, com o objetivo de levar sempre cinco jogadores no terço final. Sabíamos dessa dificuldades – afirmou Ramon Menezes, antes de completar:

– Um respeito muito grande pelo adversário. É um grande adversário. Muito bem treinado, com ótimos jogadores. Tem uma ideia de jogo muito interessante. Foi só o primeiro jogo de três finais que teremos pela frente. Dedico, como sempre, a vitória para os atletas. O espírito, a atitude. Os jogadores foram excepcionais.

Perguntado sobre o que já tira para os próximos jogos, o treinador ressaltou a qualidade do time do Botafogo.

–  Do outro lado, tem um cara muito experiente e inteligente, que é o Paulo Autuori. A gente sabia de todas essas dificuldades ao ver o Botafogo jogar. Vamos trabalhar. Vamos ter duas finais. A força ofensiva deles na bola aérea é grande, com o Babi e o Pedro Raúl. Isso causa problemas para qualquer defesa. A gente estava muito concentrado. Coloquei o Neto pois ele tem uma estatura muito boa, coloquei ele na segunda linha. Depois, inverti com o Henrique. Isso faz parte do jogo, da estratégia, da movimentação do adversário. A tomada de decisão tem de ser muito rápida. Vamos recuperar para que a gente possa fazer um grande jogo novamente – finalizou o treinador.

Um comentário

Um comentário

  1. Pingback: Após vitória em clássico, Ramon elogia o time do Vasco e projeta próximos duelos com o Botafogo: ‘Vamos ter duas finais’ | DF MANCHETES

Deixe uma resposta

As últimas

Ao topo