Futebol americano

As possibilidades das equipes da AFC Sul para a temporada de 2020 da NFL

AFC Sul
Arte/Esporte News Mundo
— Continua depois da publicidade —

A nova temporada da NFL está quase começando, e 2020 promete ser um ano atípico para a liga. Sem estádios cheios, a situação das equipes em busca de uma vitória pode mudar bastante em lugares conhecidos pelo forte barulho. Pensando nisso, o Esporte News Mundo traz uma série de previsões de cada divisão do campeonato e aonde cada equipe pode chegar.

Nesta análise, você poderá conferir como cada equipe da AFC Sul chega para esta temporada, o calendário e os prováveis resultados na NFL em 2020.

+ Os cenários das equipes da AFC Norte para a temporada de 2020 da NFL

HOUSTON TEXANS

Foto: Zach Tarrant/Houston Texans

Campeão da divisão em 2019, os Texans foram eliminados nas semifinais para o Kansas City, mas o balanço da última temporada foi positivo. No entanto, a troca de DeAndre Hopkins para o Arizona Cardinals deixou a franquia sem o seu principal recebedor, e recebeu duas escolhas de Draft e o running back David Johnson.

Durante a offseason, os Texans optaram por focar em renovações na proteção a Deshaun Watson, como Laremy Tunsil, o tackle mais bem pago da NFL. Além disso, a equipe de Bill O’Brien dedicou as escolhas no Draft em jogadores que poderiam fortalecer as linhas, tanto ofensivas, quanto defensivas.

CALENDÁRIO DOS TEXANS

A temporada 2020 não será fácil para os Texans, principalmente pelos adversários de peso. A franquia enfrentará todos os campeões de divisão da AFC (Chiefs, Ravens e Patriots), além dos complicados times da própria divisão Sul, como Titans, Colts e Jaguars.

Chiefs (F), Ravens (C), Steelers (F), Vikings (C), Jaguars (C), Titans (F), Packers (C), Jaguars (F), Browns (F), Patriots (C), Lions (F), Colts (C), Bears (F), Colts (F), Bengals (C) e Titans (C).

MELHOR CENÁRIO: 11-5

Mesmo sem DeAndre Hopkins, os Texans conseguirão superar os adversários e novamente serão campeões da divisão. Com isso podemos imaginar no melhor cenário que é possível, a franquia vencer as seis partidas dentro da AFC Sul.

PIOR CENÁRIO: 9-7

A sequência complicada logo no início será crucial para a briga dos Texans em chegar aos playoffs. Com isso, a franquia sentiria muito a falta do principal recebedor e teria as esperanças completamente entregues nas mãos e pernas de seu quarterback.

TENNESSEE TITANS

Foto: Donald Page/Tennessee Titans

A dupla Ryan Tannehill e Derrick Henry volta para 2020 buscando repetir o feito da temporada passada. Considerados como a grande surpresa, os Titans renovaram com seus principais jogadores e chegam na AFC Sul buscando o título da divisão. Para isso, a franquia de Mark Vrabel precisará manter o forte ritmo da temporada anterior, quando terminou com 9-7.

Em 2020, a principal chegada trata-se de Vic Beasley. O defensive end assinou por uma temporada depois de deixar os Falcons e é uma das grandes esperanças para reforçar o sistema defensivo da equipe. Além dele, outros seis jovens chegaram através do Draft, com destaque para Isaiah Wilson, jogador de linha ofensiva de Georgia.

CALENDÁRIO DOS TITANS

Os Titans conseguiram se livrar de grandes franquias nesta temporada e terão um calendário mais tranquilo. A franquia de Tennessee enfrentará apenas dois campeões de divisão na NFL (Ravens e Packers) e encontrará equipes que não tiveram um desempenho tão satisfatório em 2019, como Browns, Lions, Bears e Broncos.

Broncos (F), Jaguars (C), Vikings (F), Steelers (C), Bills (C), Texans (C), Bengals (F), Bears (C), Colts (C), Ravens (F), Colts (F), Browns (C), Jaguars (F), Lions (C), Packers (F) e Texans (F).

MELHOR CENÁRIO: 11-5

A franquia que surpreendeu a todos na temporada passada chega em 2020 como uma das favoritas para levar a divisão. Com a permanência dos dois principais jogadores e contando com a saída de Hopkins nos Texans, os Titans possuem totais condições de serem campeões da AFC Sul.

PIOR CENÁRIO: 9-7

O jogo corrido com Derrick Henry e a mobilidade de Ryan Tannehill funcionaram em 2019, mas pode ser bem marcada em 2020. Caso não consigam alternativas para fugir do seu estilo, os Titans podem enfrentar sérias dificuldades e dependeriam de fraca tabela para avançar de fase através do wild card.

INDIANAPOLIS COLTS

Divulgação/Indianapolis Colts

O Indianapolis Colts quase alcançou uma vaga para os playoffs na temporada passada. Para 2020, a expectativa voltou a crescer após boas aquisições na offseason, tanto na parte defensiva, como ofensiva.

O principal destaque neste cenário será Philip Rivers, que deixou os Chargers após 16 anos. Além do quarterback, chegaram para ajudar a equipe de Frank Reich o defensive tackle DeForest Buckner, ex-49ers, e o cornerback Xavier Rhodes, ex-Vikings.

CALENDÁRIO DOS COLTS

Em 2020, o calendário dos Colts não é tão complicado, mas demanda certa atenção para conquistar vitórias que podem ser fundamentais para o time. Diante de adversários considerados fáceis, a equipe precisará ter cuidado para não ser surpreendida e garantir os triunfos para buscar a volta aos playoffs.

Jaguars (F), Vikings (C), Jets (C), Bears (F), Browns (F), Bengals (C), Lions (F), Ravens (C), Titans (F), Packers (C), Titans (C), Texans (F), Raiders (F), Texans (C), Steelers (F) e Jaguars (C).

MELHOR CENÁRIO: 10-6

Os ajustes defensivos e a chegada de Philip Rivers podem ajudar os Colts a brigarem por uma vaga no wildcard da Conferência Americana. Com isso, é esperado que a equipe volte a ter a força jogando em casa e faça jogo duro diante de adversários como Packers, Titans e Vikings.

PIOR CENÁRIO: 8-8

Os Colts enfrentariam certas dificuldades em alcançar seus objetivos devido a falta de bons nomes para receber e correr com a bola. A defesa, mesmo reforçada, estaria sob constante pressão para buscar resolver jogos em que o ataque tenha problemas para produzir e isso causaria excesso de cansaço e possivelmente lesões em jogadores importantes.

JACKSONVILLE JAGUARS

Jaguars AFC Sul
Foto: Reprodução/Jacksonville Jaguars

Os Jaguars terminaram como lanterna da AFC Sul em 2019, em meio a muitas mudanças, desde quarterbacks até as lesões na equipe. Com isso, a franquia ficou limitada a seis vitórias e dez derrotas, mas enxergam que podem mudar a história em 2020.

Até o momento, os Jaguars não contam com grandes contratações. Pelo contrário. Saídas de peso aconteceram nas últimas semanas. Leonard Fournette e Yannick Ngakoue deixaram a equipe e não houve substituições equivalentes à qualidade dos jogadores.

CALENDÁRIO DOS JAGUARS

O início da temporada pode ser fundamental para definir o rumo dos Jaguars na temporada. Com uma tabela mediana em nível de dificuldade, a equipe precisa aproveitar os primeiros duelos dentro da divisão e contra equipes que não foram bem em 2019, como Dolphins, Bengals e Lions.

Colts (C), Titans (F), Dolphins (C), Bengals (F), Texans (F), Lions (C), Chargers (F), Texans (C), Packers (F), Steelers (C), Browns (C), Vikings (F), Titans (C), Ravens (F), Bears (C) e Colts (F)

MELHOR CENÁRIO:  7-9

As dificuldades dos Jaguars poderiam ser superadas com a união do elenco em busca de um propósito maior. Com Gardner Minshew, a equipe pode alçar voos maiores com um bom início e vitórias no final da temporada.

PIOR CENÁRIO: 6-10

A falta de jogadores de peso fará falta durante a temporada dos Jaguars e pode influenciar no resultado final da temporada regular. Neste cenário, a equipe teria problemas no início do ano e os jogos mais complicados seriam desastrosos e só um milagre resolveria a situação.

Siga o perfil do Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

Ao topo