Santos

Às vésperas de jogo da Libertadores, Cuca cita amadurecimento da equipe santista

Foto: Reprodução/Santos

Campeão da Libertadores com o Atlético MG em 2013, o técnico Cuca tem a oportunidade de repetir o feito agora em 2021, sob o comando do Santos. Na semifinal da competição, o Peixe enfrenta o Boca Juniors nesta quarta-feira (13), e o comandante enxerga uma equipe mais madura para a partida em questão:

– A  gente tem tido um espírito decisivo na maioria dos jogos da Libertadores. Até no jogo contra a LDU, que perdemos, nós jogamos bem. Foi um dia em que a bola não entrou. Nós temos a nossa maneira de jogar, não vamos fugir dela. Estamos em um estágio até melhor, porque temos amadurecido dentro da competição, o que é muito importante também para seguir adiante – disse Cuca em entrevista ao site oficial do Santos.

Após o empatem em 0 a 0 na partida de ida em Buenos Aires, a decisão ocorrerá na Vila Belmiro, quem vencer se classifica para a finalíssima. O Santos já chegou a final da Libertadores em 4 ocasiões, dessas venceu três vezes. O técnico Cuca definiu o sentimento de chegar tão longe no torneio:

– Nós estamos em uma semifinal e temos gana de chegar à final. Quando você chega, é um momento mágico, uma sensação única, então é difícil falar. Você sente, não consegue expor aquele sentimento, então tomara Deus que a gente possa fazer esses meninos sentirem isso. Que quarta-feira a gente consiga fazer um grande jogo e que nós todos estejamos preparados para um jogo difícil.

Para essa partida, o Peixe terá os desfalques de John e Wagner Leonardo, isolados com covid-19. Por isso, a possível escalação é:  João Paulo, Pará, Lucas Veríssimo, Luan Peres e Felipe Jonatan; Alison, Diego Pituca e Soteldo; Marinho, Kaio Jorge e Lucas Braga.

Veja entrevista na integra

Para saber tudo sobre o Santos siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top