Ponte Preta

‘Assunto proibido’, diz presidente da Ponte Preta sobre eleições em 2021

'Assunto proibido', diz presidente da Ponte Preta sobre eleições em 2021

Sebastião Arcanjo garantiu que o assunto eleição, programa para novembro deste ano, não está na pauta interna da Ponte Preta.

Questionado em entrevista coletiva a respeito dos planos políticos à frente da Macaca, presidente garantiu que o tema está proibido nos bastidores do Estádio Moisés Lucarelli.

+ Ponte Preta explica não renovação com Philco: ‘Suspender investimentos’

“Eu já disse aqui para nossa diretoria que eleição é um assunto proibido nos corredores da Ponte Preta. Nós estamos fazendo todo esse esforço, junto a nossa comissão técnica e aos nossos atletas, para evitar que atitudes até irresponsáveis possam contaminar o nosso ambiente, sobretudo dentro de campo. Eu acho que chegou a hora de a gente pensar primeiro na Ponte Preta. É pensar no clube. É pensar no desempenho dele dentro de campo. Aqueles que apostam no quanto pior melhor, na minha opinião, irão se arrepender. Eu creio que ninguém quer administrar um clube ou quer receber um clube em situações de dificuldades”, afirmou.

“Eu volto a insistir. A dificuldade financeira que a Ponte Preta enfrenta é dificuldade do futebol brasileiro. Ontem, eu estava acompanhando um jogo importante da Copa do Brasil e era um dos times que têm a maior receita do futebol brasileiro. A reclamação, após o resultado, foi uma derrota para um clube de Série B. As pessoas dizendo que, além da derrota, tem um prejuízo econômico substantivo. Então essa é uma situação que nós estamos lidando com muito cuidado. A eleição é em novembro. Nós só vamos tratar desse assunto em novembro. Essa é a nossa posição. O que nós estamos fazendo aqui e essa pergunta é muito boa nesse sentido…”, prosseguiu.

“É buscar, desde quando nós assumimos a Ponte Preta, tratar de forma transparente os nossos negócios e criar as melhores condições para aqueles que venham assumir a Ponte Preta  no futuro e recebam o clube em condições financeiras melhores do que nós recebemos. É esse o esforço que nós estamos fazendo. Por esse esforço, passa, obviamente, a venda de alguns ativos e a liquidação de algumas dívidas. É esse o sentido da nossa gestão. O nosso diretor financeiro, o Décio (Sirbone Júnior), tem trabalhado incansavelmente no de criar um ambiente que dê estabilidade administrativa e dê estabilidade financeira. É enfrentar os percalços que possamos surgir. Nós estamos nos preparando para isso”, finalizou.

DE FORA

Tiãozinho admitiu preocupação para que o assunto político não interfira no rendimento dos jogadores da Ponte Preta na Série B do Campeonato Brasileiro, cujo principal objetivo é o acesso.

“Graças a Deus, nós não tivemos problemas nesse primeiro semestre. No segundo semestre, é um semestre de maiores dificuldades. É natural que isso aconteça em todos os clubes. Eu digo na sua maioria para fazer justiça. O nosso planejamento está sendo seguido rigorosamente para que a gente não sofra nenhuma intempérie e nenhuma interferência extracampo. Que ela não possa impactar o desempenho dos nossos atletas”, projetou.

“Nós temos tido uma resposta muito boa dos atletas e da comissão técnica. Vários jogadores que estão tratando conosco questões financeiras estão colocando também o pé no chão. É com base nessa ideia de pensar grande com os pés no chão que nós estamos viabilizando as contratações, definindo comissões técnicas e reforçando as nossas de suporte ao futebol profissional, principalmente”, arrematou.

Então vice-presidente, Sebastião Arcanjo assumiu comando máximo da Ponte Preta no início de novembro de 2019 após renúncia de José Armando Abdalla Júnior por conta de problemas de saúde – chapa foi eleita para o quadriênio de 2018 a 2021.

TABELA

Com um ponto conquistado em duas rodadas, Ponte Preta volta a campo na Série B do Campeonato Brasileiro nesta sexta-feira, 11 de junho, diante do Sampaio Corrêa, no Estádio Castelão, em São Luís, às 19h.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top