Atlético-MG

Atlético-MG busca classificação para manter tabu de nunca ter sido eliminado pelo Fluminense

Foto: Pedro Souza / Atlético

Atlético e Fluminense irão se enfrentar pelo segundo jogo das quartas de final da Copa do Brasil. Será o terceiro confronto entre os times apenas no último mês. Na ida, vitória alvinegra por 2 a 1, no Rio. Agora, no Mineirão, o Galo quer manter um tabu de nunca ter sido eliminado para o tricolor.

+ Com Tchê Tchê de volta, Atlético-MG encerra preparação para encarar o Fluminense treinando pênaltis

Os dois clubes já se enfrentaram três vezes em mata-matas, duas pela extinta Conmebol e uma pela própria Copa do Brasil. As primeiras, em 1992 e 1993, foram pela competição internacional. Em 92, vitória do Flu por 2 a 1 no Rio, mas o Galo devolveu com goleada de 5 a 1 e avançou na competição que iria se consagrar campeão. Em 93, uma vitória de 2 a 0 para cada em seus domínios, nos pênaltis, deu Galo por 4 a 2.

Já na Copa do Brasil, o confronto aconteceu em 2000, também em uma quartas de final. A disputa foi acirrada, com dois empates. No Rio, 3 a 3, e em BH, 2 a 2. Com o critério do gol fora de casa – que não existe mais hoje – o Atlético avançou.

A classificação do Atlético em 2000 marcou, inclusive, a primeira vez que o clube chegou em uma semifinal da competição. De lá pra cá, foram outras três vezes: 2002, 2014 (campeão) e 2016 (vice).

+ Rubens Menin elogia Sampaoli por mudar a visão do Atlético: ‘Quando ele veio, ninguém queria vir’

Como venceu o primeiro jogo por 2 a 1, o Atlético só precisa de um empate para se classificar. No entanto, o Flu precisa de qualquer vitória por um gol de diferença para levar o jogo para os pênaltis. A classificação vale mais de R$ 7 milhões.

Por Alecsander Heinrick

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top