Atlético-GO

Atlético-GO aposta em boa fase para vencer Fluminense: “Bom resultado é vitória”, diz volante

Foto: Heber Gomes/ACG
— Continua depois da publicidade —

O Atlético-GO fez, na tarde desta terça-feira, o último treino antes da partida contra o Fluminense pela 4ª fase da Copa do Brasil. Para manter o bom momento, a equipe goiana espera surpreender o Tricolor carioca, no Maracanã, e voltar para Goiânia com vantagem para conquistar vaga na próxima fase da competição nacional.

Após duas vitórias fora de casa (contra Vasco e Bahia), o volante Edson espera surpreender o Fluminense na noite desta quarta-feira (16).

– Bom resultado vai ser a vitória, independentemente do placar. Sabemos que estamos na casa do adversário, será um confronto difícil – disse o jogador, que lembrou do empate contra a equipe carioca há duas semanas, no jogo válido pela 7ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O pensamento é de vitória, mas Edson, que já jogou pelo Fluminense, reconhece a dificuldade de jogar contra um clube de tradição.

– Vamos brigar com todas as forças. Vamos respeitá-los como grande clube, grande equipe, mas, na hora em que a bola rolar, temos de dar a vida, nos impor. O torcedor pode esperar uma equipe aguerrida, que vai procurar sempre a vitória. Se perdermos, não tem nada perdido. Vamos levar o jogo para Goiânia. Com tranquilidade, podemos passar de fase – completou.

Nesta temporada, o Atlético-GO fez três jogos contra equipes do Rio de Janeiro. O resultado é algo em que o time se apega para fazer uma boa partida diante do Fluminense. No Campeonato Brasileiro, o Dragão venceu o Flamengo e o Vasco e empatou com o adversário da noite desta quarta-feira.

– Ganhamos do Flamengo de 3 a 0. É normal que as pessoas olhem com gosto para equipe do Atlético-GO. (Os jogadores do outro time) jogam mais precavidos, as equipes têm olhar diferente para nossa equipe, pelo que a gente vem produzindo – analisou Edson.

Para a partida da Copa do Brasil, o Atlético-GO tem três desfalques: o lateral-esquerdo Nicolas está suspenso pelo terceiro cartão amarelo, o volante Marlon Freitas está lesionado e o meia Everton Felipe não poderá defender a equipe goiana por já ter entrado em campo pelo Cruzeiro na Copa do Brasil. Para preencher as lacunas, o técnico Vagner Mancini aposta na união do grupo.

Siga o perfil do Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

Ao topo