Atlético-MG

Atlético-MG é condenado a pagar R$ 400 mil ao lateral Carlos César; time já entrou com recurso

Foto: Bruno Cantini/Atlético

O Atlético-MG foi novamente condenado pela Justiça do Trabalho. Dessa vez, o clube foi sentenciado a pagar R$ 400 mil ao lateral direito Carlos César.

A decisão, que foi divulgada inicialmente pela Rádio Itatiaia, é da juíza Sandra Maria Generoso e saiu no dia 15 de junho. O alvinegro já entrou com recurso.

O valor inicial da causa era de R$ 607.628,27, porém a juíza negou, sob a alegação de que pedidos feitos pelo lateral não puderam ser comprovados através de documentação, por isso o valor foi reduzido.

Veja o que o Atlético terá que pagar:

  • Férias simples relativas aos períodos de 2015/2016, 2016/2017, 2017/2018, com o terço constitucional;
  • Três dias de saldo de salários (um dia relativo a cada um dos meses dezembro de 2015, 2016 e 2017;
  • Diferenças de gratificações natalinas e férias com o terço;
  • Premiações relativas aos anos de 2015, 2016 e 2017
  • Valores devidos a título de FGTS. 

Carlos César ficou no Atlético entre 2011 e 2019, jogou 101 partidas e marcou 5 gols. Pelo Galo, foi campeão da Copa Libertadores de 2013 e conquistou quatro Campeonatos Mineiros (2012, 2013, 2015, 2017).

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

Ao topo