Atlético-MG

Atlético-MG vai ajuizar ação de execução sobre caso Fred; valor é de R$ 18 milhões

Foto: Bruno Cantini

O Atlético-MG vai ajuizar na Justiça do Rio de Janeiro, na próxima semana, uma ação de execução sobre o caso Fred, que atualmente joga pelo Fluminense. O vice-presidente do clube, José Murilo Procópio, informou sobre a nova medida em uma entrevista nesta sexta-feira (24), na Rádio 98fm.

Segundo o dirigente do Atlético, a multa está atualizada em R$ 18 milhões. No entanto, Procópio informou que a medida não significa que o clube irá receber o valor rapidamente.

– Demora, porque agora que vamos iniciar a execução, agora que chegamos ao valor líquido e certo, e passamos por todas aquelas instâncias administrativas, como foi na CNRD, ações da Justiça do Trabalho, aquilo tudo já está superado. Agora é uma mera execução porque temos o valor líquido e certo para ser cobrado.

A briga judicial entre Fred e Atlético dura desde saída do atacante do clube para ir ao maior rival, em dezembro de 2017. No entanto, havia uma condição para que a rescisão contratual acontecesse: uma multa de R$ 10 milhões caso ele assinasse com o Cruzeiro.

Para ficar informado sobre tudo que acontece com o Atlético-MG, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

O acordo foi feito e Fred foi anunciado pelo Cruzeiro no dia seguinte. No entanto, o pagamento da multa, que posteriormente foi assumida pela Raposa – que aceitou o valor para poder assinar com o jogador –, não foi depositado ao Atlético.

Veja também: Mariano prega foco ao Atlético-MG no Brasileirão: ‘Não adianta pensar no Palmeiras sendo que temos o São Paulo pela frente’

O clube alvinegro acionou a CNRD (Câmara Nacional de Resoluções de Disputas), cobrando o Cruzeiro e o jogador pelos R$ 10 milhões. O caso já foi julgado diversas vezes desde então, e com as atualizações dos juros, a multa passou a ser de R$ 18 milhões.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top