Atlético-MG

Atlético-MG pode igualar marca de 1986 contra o Santos

Atlético-MG Keno vs Santos. Vila Belmiro
Galo encara o Santos, último time que o derrotou no Brasileirão, na caminha em busca do título nacional. Foto: Pedro Souza / Atlético

O Atlético-MG recebe o Santos, amanhã no Mineirão, às 19h, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. O duelo pode ser muito especial para o Galo que tem a possibilidade de igualar uma marca de 35 anos atrás.

Em 1986, o clube ficou 18 rodadas sem nenhuma derrota, marca que demorou anos para o time voltar a se aproximar. Naquela temporada, o Atlético-MG chegou até as semifinais, quando caiu para o Guarani de Campinas; na tabela geral foi o segundo colocado, ficando atrás do São Paulo, campeão nacional ao fim daquele ano.

Se vencer o Santos, o Galo ficaria a 3 jogos de empatar seu recorde de 21 partidas de invencibilidade, que pertencem a equipe vice-campeã de 1977. Caso consiga chegar a esta marca, o jogo para igualar o recorde será no clássico contra o Flamengo, no Rio de Janeiro. O aguardado encontro entre as duas equipes no segundo turno do Brasileirão pode ser ainda mais especial para o alvinegro, já que um resultado positivo aumentaria muito as suas chances de título.  

Enquanto a partida da 29ª rodada não chega, o Galo deve pensar jogo a jogo na busca pelo bicampeonato nacional. Contando com o retorno de Mariano e Savarino, recuperados de lesão, o Atlético-MG deve mandar a campo o mesmo time que derrotou o Ceará, na última rodada.

+Réver prega respeito ao Santos e fala de busca pelo título Brasileiro com o Atlético-MG: ‘Almejo há muito tempo’

Seus 17 jogos de invencibilidade são impressionantes. Além disso, o Galo tem no Brasileirão líderes em vários quesitos, que ajudam a entender o momento do líder do campeonato: o time possui o artilheiro (Hulk), o jogador com mais participações diretas em gols (Hulk – somando gols e assistências) e o goleiro menos vazado do torneio (Everson). O torcedor fica esperançoso e aguarda retirar do fundo da alma o tão sonhado grito de campeão.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top