Cruzeiro

Atuações ENM: Bruno José marca e Guilherme Bissoli é o melhor em campo em vitória do Cruzeiro sobre a Juazeirense; veja notas

Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro

O Cruzeiro entrou em campo, nesta quinta-feira (3), em pleno feriado, para disputar a primeira partida contra a Juazeirense, pela terceira fase da Copa do Brasil. O gol celeste foi marcado por Bruno José no segundo tempo da partida.

Com muitas mudanças na formação inicial, o Cruzeiro entrou em campo prometendo um jogo mais ofensivo. Porém, após a boa movimentação dos minutos iniciais, o time celeste pouco criou, deixando muitos espaços para as investidas da Juazeirense, que aproveitou para se lançar ao contra-ataque. E com resultado, já que chegou, por vezes, com perigo, obrigando o goleiro Fábio a trabalhar.

No segundo tempo, as equipes voltaram com o mesmo parâmetro de jogo da primeira etapa: uma disputa morna e com o Cruzeiro com dificuldades de criação, enquanto o time visitante aproveitava os espaços deixados para chegar ao ataque. Porém, a Raposa achou um gol com Bruno José e assistência de Guilherme Bissoli, um dos destaques do time celeste. Desde então, os cruzeirenses melhoraram em campo.

Mas, o placar se manteve o mesmo e o Cruzeiro saiu do Mineirão com a vitória simples, por 1 a 0, sobre a Juazeirense. Com o resultado, a Raposa pode até empatar no jogo de volta, na Bahia, que garante a classificação para as oitavas de final da Copa do Brasil.

MANDOU BEM

Bruno José – 7,5

O atacante do Cruzeiro, Bruno José, foi um dos destaques do clube na partida desta quinta-feira diante da Juazeirense. Apesar de um início apagado, ele foi crucial para a vitória celeste, já que foi Bruno José o responsável por marcar o gol da Raposa.

Guilherme Bissoli – 8

Guilherme Bissoli foi uma das apostas de Felipe Conceição para deixar o Cruzeiro mais ofensivo e agressivo. E surtiu efeito, já que, além da assistência dada pelo atacante, ele foi o grande responsável pelas investidas da Raposa na partida. Bissoli se mostrou muito participativo, buscando o desarme e, também, saindo de sua função para buscar bolas fora da área.

FICOU DEVENDO

Rafael Sobis – 5

O atacante do Cruzeiro Rafael Sobis teve uma partida apagada. Jogando mais recuado, sendo o grande responsável pela criação de jogadores da equipe, não supriu as expectativas, já que a Raposa acabou apresentado muitas dificuldades neste setor.

DESTAQUE DA JUAZEIRENSE

Clebson – 7

O meio-campo da equipe da Juazeirense foi o pilar de ataque do time da Bahia durante os 45 minutos iniciais. Não à toa, foi ele quem levou perigo ao gol celeste, obrigando Fábio a trabalhar em pelo menos duas oportunidades. Apesar disso, foi substituído no segundo tempo da partida, após o gol do Cruzeiro, para colocar “sangue novo” em campo.

ATUAÇÕES

CRUZEIRO

Fábio – 7
Raúl Cáceres – 6,5
(Klebinho) – s/n
Weverton – 6
Ramon – 5,5
Matheus Pereira – 5,5
(Kaiki) – 6
Matheus Neris – 6,5
Rômulo – 6
(Matheus Barbosa) – s/n
Bruno José – 7,5
(Stênio) – 5,5
Airton – 6,5
Rafael Sobis – 5
(Felipe Augusto) – 6
Guilherme Bissoli – 8
Felipe Conceição – 6,5

Para saber tudo sobre a Copa do Brasil, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top