Campeonato Brasileiro

Atuações ENM: Com direito a golaço de Aderlan e virada nos acréscimos, RB Bragantino vence o Flamengo; veja notas

Foto: Ari Ferreira/Red Bull Bragantino

Na noite deste sábado (19), o Red Bull Bragantino se viu diante da difícil tarefa de encarar o atual campeão brasileiro no palco mais famoso do futebol brasileiro, o Maracanã. Em um embate disputado e marcado por reviravoltas, o Massa Bruta foi capaz de arrancar uma vitória nos acréscimos contra o Flamengo, por 3×2, com gols de Aderlan, Ramires e Chrigor. Com os três pontos, o Braga agora se encontra provisoriamente na liderança do Campeonato Brasileiro, com 11 pontos.

Logo no início da partida, o Red Bull Bragantino adotou uma postura de controle, buscando pressionar o adversário e impedir o toque de bola envolvente, característica fundamental da equipe Rubro-Negra. Assim, o Massa Bruta dominou os primeiros 10 minutos e, aos 11, saiu na frente do placar. Após o feito, a equipe do Flamengo aumentou seu ritmo de jogo, restringindo a equipe de Bragança Paulista a atuar na defesa e na contenção de finalizações perigosas. Apesar dos esforços, o placar foi inaugurado por parte do time carioca aos 27 minutos, com gol de Muniz.

A segunda etapa ainda reservou mais emoções aos torcedores que acompanhavam o embate. Se lançando ao ataque incessantemente, o Flamengo foi capaz de virar o jogo, cortesia mais uma vez de Muniz, que marcou aos 18 minutos. Não se deixando abalar, a resposta do Massa Bruta se concretizou quase imediatamente. Fruto de um contra-ataque, Ramires aproveitou uma pequena confusão na área do adversário e, de cabeça, enganou o goleiro Diego Alves, guardando a bola na rede. Demonstrando garra e resiliência até o fim, a noite do time de Bragança Paulista foi coroada quando Chrigor apareceu na área para completar um cruzamento preciso de Artur, levando o time à vitória e à liderança da competição.

Para saber tudo sobre o RED BULL BRAGANTINO, siga o perfil do Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

DESTAQUES

Aderlan: “Acho que foi o gol mais bonito da minha carreira, mas também foi um pouco sem querer”. Foi assim que o lateral direito Aderlan definiu sua participação direta no placar, marcando um gol acrobático após cruzamento de Helinho. Digno de um destaque por si só, o gol, porém, não foi a única participação relevante do jogador na partida. Aderlan se mostrou preciso nos desarmes, anulando o perigoso lado esquerdo do ataque flamenguista, nos passes e nas construções de jogadas pelo lado direito. Quase marcou um belíssimo gol de letra, imediatamente após seu feito inicial, mostrando a confiança que o jogador incorporou ao longo da partida.

Chrigor: Dois toques na bola e um gol. Isso foi o suficiente para o atacante, que entrou no lugar de Ytalo aos 37 minutos do segunda tempo, se tornar um dos principais destaques da partida. Chrigor mostrou sua capacidade de “matador” ao prever o cruzamento de Artur e se colocar precisamente em posição de completar o cruzamento. Apesar dos poucos minutos, se tornou o herói do Massa Bruta.

NOTAS

Cleiton: 7,5

Aderlan: 8

Léo Ortiz: 7

Fabrício Bruno: 7

Weverson: 6

Raul: 6,5

Evangelista: 7

Ramires: 7

Artur: 7

Ytalo: 6

Helinho: 7

SUBSTITUIÇÕES

Chrigor: 8

Edimar: 6,5

Natan: 6,5

Cuello: 6,5

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top