Ponte Preta

Atuações ENM: Defesa e ataque sucumbem em derrota da Ponte Preta

Atuações ENM: Coletivo da Ponte Preta sucumbe em revés contra Bragantino
Crédito: Ari Ferreira / Red Bull Bragantino

A Ponte Preta não conseguiu repetir o desempenho positivo apresentado diante do Santos e amargou derrota diante do Red Bull Bragantino, nesta segunda-feira à noite, pelo placar de 2 a 0.

Sem repertório ofensivo no Estádio Nabi Abi Chedid e sufocada na maior parte dos 90 minutos, Macaca esteve abaixo coletivamente do goleiro ao centroavante, com pouquíssimos destaques individuais neste confronto válido pelo Campeonato Paulista.

+ Ponte Preta monitora Gabriel Peres, zagueiro do Concórdia, para Série B

Com resultado negativo em Bragança Paulista, graças aos gols de Pedrinho e Ytalo, Alvinegra estaciona na terceira colocação do Grupo B com sete pontos, três abaixo da Ferroviária.

DESTAQUES:

Moisés: Presente em cinco dos seis gols marcados pela Ponte Preta no Campeonato Paulista, atacante foi o nome mais ativo em Bragança. Camisa 21, embora não tenha chegado perto de ir à rede, tentou puxar o time para frente com jogadas individuais, dribles e muita velocidade – 5,5

Thalles: De volta após cirurgia no olho no início de abril, substituiu Camilo, bem cansado, e oxigenou o sistema de criação. Camisa 98, logo no primeiro toque na bola, teve a principal oportunidade de gol no lado alvinegro – 5,0

Léo Naldi: Cria das categorias de base, substituiu Barreto, presa fácil na marcação, no intervalo e deixou boa impressão. Embora jovem, camisa 18 se arriscou em algumas jogadas no ataque e, por pouco, não contribuiu com assistência para Thalles – 5,0

NOTAS:

Ygor Vinhas – 4,0

Apodi – 4,5

Ruan Renato 4,5

Luizão – 4,5

Yuri – 3,0

Barreto – 4,0

Dawhan – 4,5

Camilo – 3,5

Niltinho – 3,5

Moisés – 5,5

João Veras – 4,0

SUBSTITUIÇÕES:

Paulo Sérgio – 3,0

Léo Naldi – 5,0

Thalles – 5,0

Renan Mota – 3,5

Pedrinho – sem nota

Técnico: Fábio Moreno – 4,0

Siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top