Flamengo

Atuações ENM: Flamengo vai do céu ao inferno, mas consegue vencer na altitude; veja as notas

Gabigol
Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

O Flamengo conseguiu sua terceira vitória em três jogos disputados na Libertadores de 2021 ao bater a LDU, do Equador, na altitude de Quito. Apesar de um ótimo primeiro tempo da equipe de Rogério Ceni, que desceu ao vestiário vencendo por 2 a 0, os equatorianos melhoraram no segundo tempo e conseguiram o empate, desfeito apenas após pênalti em Arrascaeta.

Em uma primeira etapa dominante, o Flamengo era melhor que a LDU tecnicamente e sobrava em organização, fechando os espaços buscados pelos equatorianos, que eram forçados a sair jogando sempre com chutões. Desta forma, o Rubro-Negro abriu o placar com Gabigol e ampliou em golaço de Bruno Henrique, deixando a sensação de que poderia marcar mais vezes.

Na volta para o intervalo, a LDU mudou sua disposição tática e foi para cima da equipe brasileira, que sentiu a pressão e acabou cedendo dois gols. A pressão dos mandantes continuou e poderia ter resultado na virada, mas um pênalti sobre o uruguaio Arrascaeta e convertido por Gabigol resolveu o placar. Confira os destaques e atuações:

DESTAQUES

Bruno Viana: 7,0 – Apesar dos dois gols sofridos, poderia ser pior sem ele. Salvou conclusão certa de gol e ajudou a segurar a pressão do forte jogo aéreo da LDU, especialidade de times da altitude.

Bruno Henrique: 7,5 – Apesar de não ter sido uma de suas melhores atuações, foi um tormento constante para a defesa equatoriana que sofreu com sua velocidade. Marcou o segundo gol do Flamengo, em um lindo chute de fora da área que encontrou o ângulo.

Gabigol: 8,5 – Noite histórica para ele, que igualou Zico como maior artilheiro do Flamengo na Libertadores. Participativo como sempre, busca abrir espaços e participar de todas as jogadas no ataque. Abriu e fechou o placar, com direito a mais uma cobrança perfeita de pênalti.

ATUAÇÕES

Diego Alves: 6,5
Isla: 5,5
Willian Arão: 6,0
Bruno Viana: 7,0
Filipe Luís: 6,5
João Gomes: 7,0
Diego Ribas: 7,0
Arrascaeta: 6,5
Everton Ribeiro: 7,0
Bruno Henrique: 7,5
Gabigol: 8,5

Hugo Souza: 5,0
Gustavo Henrique: 6,0
Renê: 5,5
Hugo Moura: 6,0
Vitinho: 6,0

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top