Copa do Brasil

Barbieri fala sobre eliminação na Copa do Brasil e comenta jogo no Maracanã: ‘jogo ruim no Rio de Janeiro foi um caso isolado’

barbieri
Foto: Reprodução/ Red Bull Bragantino

Em noite vitória acompanhada de eliminação, o Red Bull Bragantino bateu o Fluminense por 2×1 no estádio Nabi Abi Chedid, mas acabou eliminado da Copa do Brasil pelo placar agregado de 3 a 2. Com o resultado de hoje, o Red Bull Bragantino chegou a 25ª vitória sob o comando de Maurício Barbieri. Em 57 partidas, são 25 vitórias; 18 empates e 14 derrotas.

Ainda no estádio, o técnico Maurício Barbieri falou sobre partida da última quarta-feira (09) e comentou o impacto do resultado negativo no Maracanã sobre a eliminação.

“Eu acho que a gente foi amplamente superior na partida. Os números demonstram isso. A gente conseguiu imprimir muita intensidade, jogou o Fluminense para dentro do campo deles. Tentou criar as oportunidades. Tivemos dificuldades, claro, porque é uma equipe experiente, que se fecha bem. A gente não desistiu em nenhum momento, buscou a vitória. Infelizmente, a classificação não veio, mas fico muito orgulhoso pela disposição; pela atitude; pela mentalidade que a equipe apresentou.”

“A gente já tinha feito uma boa partida contra o Bahia, Fica cada vez mais claro que o jogo ruim que, infelizmente, o jogo ruim que a gente acabou fazendo no Rio de Janeiro foi um caso isolado, mas acabou tendo um peso relevante para a classificação”

Para saber tudo sobre o RED BULL BRAGANTINO, siga o perfil do Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

Barbieri também comentou a preparação do time durante a semana anterior ao jogo e analisou o desempenho de Jan Hurtado na vitória sobre o Fluminense. 

“A gente não teve muito tempo, apesar de ter três dias, o que tem sido uma raridade. Três dias deveria ser o mínimo para recuperar os jogadores e, se possível, fazer algum ajuste. O que a gente fez foi trabalhar bastante em cima do que tinha feito de positivo no jogo contra o Bahia e tentar trazer para esse jogo do Fluminense.

“O Hurtado entrou muito bem, nos ajudou. É um jogador que tem uma presença de área bastante marcante, um jogador de força. Quando sai para combinar, não tem as mesmas vantagens e qualidades do Ytalo. Até poderia ter começado com Hurtado, mas a gente entendeu que o Pedrinho tinha feito um bom jogo contra o Bahia, como acho que fez um bom jogo hoje também. A ideia era que Hurtado pudesse entrar no decorrer da partida. Entrou muito bem e nos ajudou com os dois gols.

Questionado sobre a arbitragem, o comandante do Red Bull Bragantino demonstrou incômodo e defendeu o uso do VAR.

“Em relação à arbitragem, tenho dito isso algumas vezes, é a falta de critério. Se o árbitro tem uma conduta, uma linha de atuação durante o jogo, você consegue virar a chave e se adaptar. Influencia bastante no decorrer do jogo, acabou sendo um jogo muito tenso.

“A minha opinião é que, sempre que for possível, tenha-se o VAR. Não entendo porque não teria numa fase como essa.”

+Há 30 anos, São Paulo e RB Bragantino decidiam a final do Campeonato Brasileiro de 1991

Sobre a sequência de três jogos sem o meia Claudinho, convocado pela seleção olímpica, e a busca de um substituto para o camisa 10 entre o elenco do Red Bull Bragantino, Barbieri reforçou a atuação no Maracanã como um caso isolado. O treinador respondeu, também, a perguntas sobre os desfalques do Massa Bruta para o próximo duelo.

“A gente voltou a fazer um jogo muito bom contra uma equipe muito bem treinada. O Claudinho não será substituído por outro Claudinho porque só tem um Claudinho. A gente tem buscado soluções , com certeza, vai encontrar jogadores que possam atuar na função. Isso envolve tempo e trabalho para que a equipe possa se ajustar e produzir como produziu contra o Bahia e como produziu hoje.”

“Em relação ao jogo de domingo, a gente tem expectativa de poder contar com Cleiton e Claudinho, mas é preciso avaliar. Rafael, Raul, Edimar e Fabrício Bruno são dúvidas.”

AGENDA

Red Bull Bragantino e Fluminense voltam a se enfrentar no domingo (13), às 20h30, no estádio Nabi Abi Chedid, em jogo válido pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top