Internacional

Bastidores da vitória do Inter revela desabafo de Kaique Rocha, discurso de Taison e visita de Yuri Alberto

Ricardo Duarte/Internacional

Na última terça-feira (24), o Internacional recebeu o 9 de Octubre, no Beira-Rio, pela Copa Conmebol Sul-Americana. Dentro de casa, o Colorado não tomou conhecimento do adversário e goleou por 5 a 1, com direito a hat-trick de Rodrigo Dourado. Diante de mais um triunfo, o Inter fez aquilo que já é de praxe do clube, divulgar o vídeo revelando alguns bastidores.

Ainda no nervosismo pré-jogo, e com a classificação em risco, foi revelado uma espécie de desabafo do zagueiro Kaique Rocha. Sentado no vestiário, o defensor ressaltou o quando acredita no time do Inter. “Nosso grupo merece, somos unidos mano. A gente merece também ser feliz, não é só bomba para o nosso lado”, disse ele.

Se antes do jogo o clima era de ansiedade, depois vieram as celebrações. Abraçado nos companheiros, e após um período afastado por lesão, o capitão Taison se estendeu nas argumentações, tratando dente a alegrai por voltar a ser relacionado pelo Inter, até uma parabenização pública para Rodrigo Dourado pelo hat-trick.

– Fazia muito tempo que eu não estava aqui com vocês e pude sentir isso novamente. Estou muito feliz por tudo que vocês fizeram enquanto eu não estava. E também por essa classificação que a gente lutou tanto e trabalha muito forte todos os dias. Isso depende só da gente. A gente tem um grupo maravilhoso. Para lutar por coisas grandes só depende da gente. Quando entrar em campo a gente tem que dar o máximo. É esquecer qualquer coisa que venha de fora. É a gente pela gente sempre. Nós vamos precisar de todos. Isso aqui é um grupo e tem que ser, independente de quem joga nós temos que estar unidos. Parabéns pela classificação e Rodrigo (Dourado), você merece. Agora continuamos pois isso já passou e é trabalhar para segunda-feira – disse Taison, conforme revelado pelo vídeo de bastidores do Inter.

Para saber tudo sobre o Internacional, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

A volta para os vestiários, contudo, ainda foi marcada por outro momento especial para os jogadores. Vendido pelo Inter em janeiro, para o Zenit da Rússia, Yuri Alberto assistiu ao duelo no camarote e depois desceu para reencontrar os amigos. E, em meio aos diversos abraços, ouviu algumas brincadeiras, como “porque não fardou?” de Edenilson e um “me deu sorte” vindo do herói da noite, Rodrigo Dourado. Ou seja, o clima nos bastidores do Colorado, após o triunfo, foi de muita tranquilidade e alegria.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top