Vasco

Benitez fala da alegria de voltar ao Vasco: ‘Aqui você se torna um torcedor a mais’

Rafael Ribeiro/Vasco

Depois de um processo de renovação do empréstimo complicado, com diversas reviravoltas, o meia Martin Benitez falou pela primeira vez desde que confirmou a prorrogação do vínculo com o Cruz-Maltino. Em entrevista à Vasco TV, nesta quinta-feira, realizada no CT do Almirante, ele não escondeu a alegria de estar de volta ao clube.

– Muito feliz de voltar. O Vasco te gera algo, um sentimento e você se torna um torcedor a mais. Tinha muita vontade de voltar. O treinador me ligou e isso foi muito importante, fico muito agradecido por ter pedido por mim. Sei que preciso de um tempo para ficar bem fisicamente. Fico muito contente por todos que fizeram minha volta possível. Agradeço aos torcedores que me escreveram nas redes sociais, me deram tanto carinho. Estou preparado e venho para somar, para dar o melhor para o Vasco – afirmou.

Benitez falou sobre o retorno à Argentina no final de 2020 e dos momentos de tristeza longe do clube.

– Gostaria que essa situação tivesse se resolvido antes. Tentei de tudo para ser jogador de Vasco. Fui embora triste pelo momento ruim que vivíamos em campo. Não queria abandonar o barco. Estava com essa sensação. Estava na Argentina sem jogar e treinar e sentia saudade do vestiário, do dia a dia. Fiquei muito triste. Por isso agora uma alegria tão grande de voltar – revelou.

Outras respostas de Benítez à Vasco TV:

Condição física:

Como jogadores sabemos que para competir no nível do futebol brasileiro é preciso estar bem preparado, em forma. Fiquei um tempo parado, meu último jogo foi contra o Fluminense dia 18 de dezembro. Depois custa um pouco voltar quando você perde um mês de trabalho. Conversei com o treinador e com o preparador físico e eles vão me ajudar, fazer todo o possível para que eu possa estar 100% o mais rápido. Sei que estou com pessoas muito boas, que sabem muito e viveram muito no futebol. Só me resta escutar e aprender muito com eles.

Amizade com Cano:

Todos sabem da minha amizade com Germán Cano. Nos conhecemos aqui no Vasco e formamos uma amizade muito bonita. Sempre estamos juntos, sentamos perto, concentramos juntos. Nos primeiros dias ele me disse que sentia falta de conversar e tomar mate juntos. Como amigo, ele me deseja sempre. Eu sempre digo que o melhor é o hoje e o melhor hoje é estar no Vasco. Nós temos uma grande amizade, nossas famílias também. Fico muito contente. Agora voltei ao Vasco para somar, para tentar ajudar o Cano a fazer muito mais gols do que já está fazendo, além de ajudar a equipe. Estou à disposição do treinador para o que ele precise, jogar, cinco, dez ou noventa minutos ou até não jogar. A humildade com a qual cheguei no primeiro dia é a mesma deste ano

Momento no Brasileiro:

Todos sabem que jogamos um campeonato a parte. Ainda não estamos em uma posição em que podemos estar tranquilos. Todos os jogos agora serão uma final. O jogo seguinte será sempre o mais importante. Vim para somar e dar o melhor para o Vasco, que é o mais importante de tudo.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top