Clubes

Bombou na semana do Corinthians: Caso Danilo Avaler, multa a Jô e saída de Bruno Méndez; veja o top-5!

Corinthians
Fonte: Agência Corinthians

A semana do Corinthians foi mais uma que deu dor de cabeça aos corinthianos. O Timão vence o jogo contra o Sport e empatou com o Bahia. Danilo Avelar admite ter praticado injúria racial em jogo virtual e tem sem contrato rescindido pela diretoria alvinegra.

No mercado da bola, Bruno Méndez deixou o clube rumo ao Internacional. Jô recebe multa por cor das chuteiras na partida contra o Bahia e o feminino se classifica para as quartas de finais do Brasileirão.

Para saber tudo sobre o Corinthians, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

1 – Caso Danilo Avelar

Danilo Avelar admitindu ter cometido ato de injúria racial contra outro usuário do jogo on-line Counter-Strike. O episódio ocorreu na noite desta terça-feira (22), e o atleta corinthiano se pronunciou sobre o caso em seguida, na manhã desta quarta-feira (23).

Em suas palavras, após ser ofendido por um jogador estrangeiro, teria “perdido a cabeça” e proferiu a seguinte frase no chat do jogo: “fih de rapariga preta”. O zagueiro admitiu a veracidade do fato e se desculpou pelo ocorrido.

Após o acontecimento, o Corinthians rescindiu o contrato com o zagueiro no início da noite de quarta-feira (23). Às 18h40, o clube publicou um comunicado no qual informou que discute os últimos termos para colocar ponto final no vínculo do atleta, que iria até dezembro de 2022.

Com a quebra de contrato, o Sindicato dos Atletas de São Paulo apontou algumas irregularidades na rescisão contratual entre as duas partes, a entidade se colocou à disposição de Danilo Avelar, inclusive com amparo jurídico. Em nota, o Sindicato defendeu que o atleta não pode ser punido por uma atitude realizada fora de campo.

Danilo Avelar tem o contrato encerrado por ofensas racistas.

2 – Multa a Jô

Um fato curioso e que provocou a ira de muitos torcedores corinthianos chamou a atenção durante a partida entre Bahia e Corinthians no último domingo. O atacante Jô, que não era titular há quase um mês, entrou em campo com uma chuteira que aparentava ser verde, cor do maior rival, Palmeiras.

Nas redes sociais as opiniões foram divididas. Enquanto alguns torcedores reclamaram da cor das chuteiras utilizadas pelo camisa 77 durante o jogo, outros afirmaram não ser uma questão relevante.

Jô recebe multa por jogar com suposta chuteira verde contra o Bahia.

3 – Bruno Méndez assina com o Inter

O Internacional chegou a um acordo com o Corinthians para a contratação do zagueiro Bruno Méndez. Uruguaio de 21 anos, chegará ao colorado por empréstimo até o final do Campeonato Brasileiro.

A chegada de Bruno Méndez representa um movimento em caráter de urgência no Internacional. Sem Rodrigo Moledo, lesionado, o colorado vinha oscilando muito na defesa, seja com Lucas Ribeiro, Zé Gabriel ou Pedro Henrique. Com isso, o uruguaio, se aprovado nos exames, deve receber chances assim que estiver devidamente registrado no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF.

O Internacional chegou a um acordo com o Corinthians para a contratação do zagueiro Bruno Méndez.

4 – Corinthians chega nas quartas de final do Brasileirão feminino

O Corinthians se classificação como líder assegurada e foi aos 38 pontos e o Avaí Kindermann ficou em 8º lugar com 21 pontos e garantiu a classificação para as quartas de final. As equipes se enfrentam novamente nas quartas de final do Brasileirão Feminino, que deve acontecer só na terceira semana de agosto por conta da disputa dos Jogos Olímpicos de Tóquio.

A goleira Natascha Honegger passou por uma artroscopia no joelho direito na última quarta-feira (23). Como o Brasileirão será paralisado por sete semanas por conta das Olimpíadas, a goleira deverá estar à disposição do treinador já para a partida válida pelas quartas de final da competição, que deve acontecer em 15 de agosto.

Corinthians enfrenta o Avaí Kindermann nas quartas do Brasileirão.

5 – Rivellino analisa trabalho de Sylvinho

O ídolo Rivellino comentou o trabalho de Sylvinho, apontou as últimas gestões do Corinthians como as causas para o momento difícil que vive o clube. Homenageado com um busto no Parque São Jorge, o ex-jogador afirmou que, por conta da situação atual, não iria para o Timão nos dias de hoje.

O técnico Sylvinho ainda não conseguiu se firmar no comando do Corinthians. O profissional de 47 anos possui apenas duas vitória em oito jogos pelo Timão.

Rivellino analisa trabalho de Sylvinho e critica gestões recentes.
Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top