Esportes olímpicos

Boxe: Confira tudo que rolou nas semifinais e finais que marcaram o dia na modalidade

FOTO: GASPAR NÓBREGA/COB

Com 18 lutas realizadas entre a madrugada da última segunda-feira (2) e a manhã desta terça-feira (3), o boxe contou com mais um dia de decisões e coroações de medalhistas em Tóquio. Entre as quatro categorias decididas na Kokukigan Arena, o destaque ficou para a medalha de bronze brasileira, conquistada por Abner Teixeira.

Siga Ao Vivo Tudo das Olímpiadas Aqui no Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

DUKE RAGAN x SAMUEL TAKYI – SEMIFINAL

Inaugurando as disputas de semifinais do dia, o americano Duke Ragan protagonizou um embate acirrado com Samuel Takyi, de Gana. Após três rounds, a vitória de Ragan foi decretada por decisão dos juízes, pelo placar de 4×1. Com isso, o americano encaminhou sua classificação à final da disputa masculina do peso pena (52kg – 57kg), quando enfrentará o russo Albert Batyrgaziev. Samuel, por outro lado, garantiu a primeira medalha de Gana nos Jogos Olímpicos.

MUSLIM GADZHIMAGOMEDOV x DAVID NYIKA – SEMIFINAL

Elevando o peso das disputas, a segunda semifinal do dia foi protagonizada pelos pesos pesados David Nyika, da Nova Zelândia, e Muslim Gadzhimagomedov, do Comitê Olímpico Russo. Com ambos mirando a classificação à final da categoria masculina entre 81kg e 91kg, quem levou a melhor foi o atleta russo, que venceu o embate na opinião de quatro dos cinco juízes, protagonizando um placar de 4×1. Agora, Muslim se verá frente a frente com o cubano Julio la Cruz pela medalha de ouro.

NESTHY PETECIO x SENA IRIE – FINAL

Protagonizando a primeira final da modalidade em Tóquio, a japonesa Sena Irie foi capaz de superar sua rival filipina para conquistar, em casa, a medalha de ouro na categoria feminina peso pena (54kg – 57kg). Vencedora de forma unânime na opinião dos juízes, Irie não deu chances para Petecio, dominando as ações durante todos os três rounds. Com a medalha, o Japão chega à marca de 19 ouros, se aproximando dos líderes China e Estados Unidos.

LAZARO ALVAREZ x ALBERT BATYRGAZIEV – SEMIFINAL

Na segunda semifinal da categoria masculina do peso pena, o cubano e o russo apresentaram aos juízes uma luta disputada e que se mostrou difícil de ser pontuada. Ao final dos três rounds, três dos oficiais concederam a vitória à Albert, enquanto os outros dois à Lazaro, assim concedendo a vitória ao russo. Com a vitória, Batyrgaziev enfrenta o americano Duke Ragan pela medalha de ouro; enquanto isso, Alvarez garantiu a primeira medalha de Cuba no boxe.

ABNER TEIXEIRA x JULIO LA CRUZ – SEMIFINAL

Enfim chegada a hora da primeira participação brasileira em semifinais da modalidade em Tóquio, Abner Teixeira apresentou uma luta parelha contra o cubano Julio la Cruz, porém não foi capaz de superar o experiente adversário na opinião dos juízes. Perdendo a decisão por 4×1, o atleta brasileiro encerrou a brilhante campanha nos pesos pesados com a medalha de bronze, a sétima do Brasil nos Jogos.

– LEIA MAIS: Boxe: Abner Teixeira fica com a medalha de bronze do peso-pesado após ser derrotado por cubano

PAT McCORMACK x RONIEL IGLESIAS – FINAL

Na luta que encerrou o dia da modalidade na Kokukigan Arena, o cubano Roniel Iglesias atropelou o britânico Pat McCormack e venceu por unanimidade a disputa pela medalha de ouro. Não tomando conhecimento do adversário, Iglesias dominou todas as ações da luta e venceu na opinião dos juízes por 5×0. Com isso, o cubano garantiu a segunda medalha do dia e da modalidade ao país caribenho, enquanto a medalha britânica foi a primeira do boxe em Tóquio.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top