Mais Esportes

Brasília vence Maringá e estreia com vitória na Superliga feminina

Foto: Divulgação / Brasília Vôlei

O Brasília venceu, nesta quinta-feira (28), o duelo contra o Unilife Maringá, no Sesi Taguatinga, em Brasília. O time da casa ganhou o jogo por 3 sets a 2 com as parciais de 21/25, 25/17, 22/25, 25/21 e 15/6. O brasiliense levou sufoco, mas, em uma partida emocionante, venceu de virada o seu adversário. O confronto foi válida pela primeira rodada da Superliga feminina 2021/2022.

Resumo do jogo

A partida foi equilibrada e emocionante. A equipe do Maringá deu um show no primeiro set e saiu na frente do placar. Apesar disso, o Brasília conseguiu a reação e venceu a segunda parcial com vantagem. O visitante voltou a vencer no terceiro set de virada e conseguiu se reorganizar em quadra. Apesar disso, o time cometeu muitos erros e a dona da casa conseguiu empatar o jogo na quarta parcial. O Brasília atropelou o seu adversário no tie-break e venceu a partida por 3 sets a 2.

1° SET

O primeiro set começou mais disputado, mas as meninas do Maringá logo abriram vantagem. A equipe estava bem tranquila e organizada em quadra. O Brasília, porém, não parou de pressionar, conseguiu diminuir a diferença e empatou o jogo. Apesar disso, a equipe do Unilife não perdeu o ritmo e conseguiu se manter a frente do placar até o fim do jogo. O time da casa assustou seu adversário quando voltou a empatar duelo, dessa ver por 21/21, mas a reação não foi efetiva. O Maringá marcou quatro pontos consecutivos e venceu o set por 25/21.

SIGA O ESPORTE NEWS MUNDO NO TWITTERINSTAGRAM E FACEBOOK. E NÃO SE ESQUEÇA DE SE INSCREVER NO NOSSO CANAL NO YOUTUBE!

Os dois times se destacaram na defesa e no fundo de quadra. O Unilife cometeu sete erros, enquanto seu adversário cometeu apenas dois. Apesar disso, a equipe se destacou nos ataques com 18 pontos e no bloqueio com quatro. O Brasília pontuou 12 e duas vezes nesses fundamentos, respectivamente.

2°SET

Assim como no set anterior, a parcial começou equilibrada. O Brasília saiu na frente no placar e abriu vantagem para o seu adversário. O Maringá, porém, seguiu pressionando e se manteve perto na pontuação na maior parte do set. Apesar disso, a equipe visitante cometeu muitos erros e se desorganizou em quadra. O time da casa continuou com a defesa eficiente e melhorou o seu ataque. Assim, as brasilienses mantiveram a boa qualidade em quadra e abriram grande diferença no placar. O Unilife não conseguiu a reação e perdeu a parcial por 25/17.

O Maringá errou oito vezes na parcial, enquanto seu adversário cometeu seis erros. O Brasília superou seu oponente em três pontos na quantidade de ataques e acertou 13. Diferentemente do primeiro set, o time visitante não obteve bloqueios efetivos e o seu rival marcou três nesse fundamento.

3° SET

Diferentemente dos sets anteriores, a parcial começou com o Brasília já abrindo 4/1 para o seu adversário. Com a vantagem, o time comandou o jogo nos primeiros pontos. Apesar disso, o Maringá manteve a pressão e conseguiu virar jogo. O set teve muita emoção e as duas equipes tiveram destaque nos fundamentos. O brasiliense também esboçou a reação e empatou o jogo na casa dos 20 pontos. A reação, porém, não foi eficaz e o Unilife voltou a abrir diferença na pontuação. Assim, a equipe venceu a parcial por 25/22 e marcou 2-1 no placar.

4° SET

O quarto set começou nivelado, mas o Brasília conseguiu a vantagem. A parcial foi constante por grande parte do jogo. O dono da casa se manteve na frente do placar e o visitante manteve a retaguarda, sempre um e dois pontos atrás. A equipe conseguiu o empate por 19/19. A reação, porém, não foi duradoura e o seu oponente voltou a abrir vantagem. Assim, a equipe venceu a parcial por 25/21 e empatou o jogo.

O Maringá se destacou na quantidade de erros no set, a equipe falhou 10 vezes, enquanto seu oponente errou apenas quatro. A equipe, porém, ultrapassou o Brasília por dois pontos na porção de ataques. As duas equipes mantiveram o equilibrio e pontuaram duas vezes no bloqueio.

TIE-BREAK

O segundo set foi dominado pela equipe do Brasília, que não deu chance de reação ao seu adversário. O time chegou a abrir oito pontos de vantagem no placar e atropelou o Maringá. A equipe visitante não teve chance de reação e se intimidou em quadra. O Brasília, portanto, venceu a partida por 3 sets a 2.

O Maringá conseguiu apenas cinco pontos de ataque. O Brasília demonstrou um voleibol de qualidade e categoria e marcou sete ataques, quatro bloqueios e dois pontos de saque. As maiores pontuadoras do jogo foram a central Camila Leite com 21 pontos e a oposta Arianne com 20 pontos.

O próximo confronto das equipes é no dia 5 de novembro, pela segunda rodada da Superliga feminina. O Brasília viaja para o Rio de Janeiro para enfrentar o Fluminense, às 18h. O Maringá receberá o Minas em casa, às 21:30h.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top