Cruzeiro

Brock comenta saída de Maicon e fala sobre renovação com Cruzeiro: ‘Desejo de permanecer’

Foto: Gustavo Aleixo/Cruzeiro

Na manhã desta quarta-feira (9), o zagueiro Eduardo Brock, do Cruzeiro, concedeu entrevista coletiva na Toca da Raposa II. O jogador comentou sobre a saída de Maicon, exaltou a qualidade dos defensores que permanecem no elenco e destacou que uma possível reposição no setor deve partir do técnico Paulo Pezzolano, em conjunto com a diretoria. Confira:

— É um prazer ter trabalhado com o Maicon, uma grande pessoa e espero tudo de bom pra ele. Foi uma opção dele e do clube, dentro do Cruzeiro temos jogadores de extrema qualidade, dentre eles, vários zagueiros. Se vai ter que contratar ou não, é uma questão do Paulo com a direção, não cabe a nós jogadores julgar isso.

Brock também falou sobre o retorno do Cruzeiro ao Mineirão. O clube não atuava como mandante no Gigante da Pampulha desde a vitória por 1 a 0 sobre o Democrata-GV, pela 5ª rodada do Campeonato Estudual. Segundo o defensor, a mudança de estádio é positiva devido a qualidade do gramado ser superior ao da Arena Independência.

— O Mineirão é a casa do Cruzeiro, sempre foi. Hoje a gente trabalha e enfrenta todo tipo de campo e adversidade. Se jogarmos no Independência vamos procurar jogar nosso futebol da nossa maneira, independente do estádio. Não cabe a nós ter uma preferência de local, mas, hoje, jogando nos dois estádios, vejo que o Mineirão está com um gramado melhor, que fica mais úmido, facilitar pro nosso trabalho pelo que o técnico pede.

Leia também: Cruzeiro negocia contratação de Wagner Leonardo, zagueiro do Santos

Questionado sobre ser o jogador que mais atuou sob comando do técncino Paulo Pezzolano, Brock afirmou buscar sempre dar o melhor de sim jogo após jogo, com muita dedicação. O jogador também destacou os fatores que podem justificar a boa sequência na titularidade da Raposa.

— Ano passado, passei por algumas dificuldades físicas, foi algo que consegui jogar mas foi dificil conviver no dia a dia. Esse ano eu volto, faço um trabalho separado com o departamento médico e consigo estar 100%. Não tenho dor, isso facilita pra elevar meu nível e manter uma regularidade. Junto disso a crescente do clube, do grupo, os bons jogos, tudo facilita para que cada um desempenhe melhor o seu trabalho.

Brock também falou sobre sua situação contratual. O jogador tem vínculo com o clube até o fim do Campeonato Estadual e já demonstrou o interesse de permanecer na Toca da Raposa II até o final da temporada.

— Sobre a renovação de contrato, sempre deixei bem claro meu desejo de permanecer. Acredito que estou evoluindo em nível de atuação e procurando fazer o que o Paulo vem pedido. Tendo essa sequência e continuando esse bom trabalho a gente vai em algum momento sentar e conversar sobre uma possível renovação e aí com certeza vocês serão avisados disso

Para saber mais sobre o Cruzeiro, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top