Santos

Carille contrapõe rótulo de defensivo: ‘Já encontramos de tudo e nos adaptamos’

carille
Foto: Ivan Storti/Santos FC

O técnico Fábio Carille foi apresentado no Santos na manhã desta quinta-feira (9). O novo treinador do Peixe negou o rótulo de defensivo, explicou como pretende montar sua equipe e disse que já encontrou de tudo em sua carreira.

QUER FICAR POR DENTRO DE TUDO SOBRE O SANTOS? ENTÃO SIGA O ESPORTE NEWS MUNDO NO TWITTERINSTAGRAM E FACEBOOK. E NÃO SE ESQUEÇA DE SE INSCREVER NO NOSSO CANAL NO YOUTUBE!

– Independentemente do esquema de jogar, isso não te traz se é defensivo ou ofensivo. Eu posso jogar com três zagueiros e ser super ofensivo. Jogar com atacantes de lado e ser defensivo. A distribuição tática dentro de campo não mostra isso, mas sim a atitude dos jogadores. O 4-1-4-1 pode ser muito ofensivo, eu trabalhei com o Tite assim em 2015, e era muito ofensivo. Todo treinador busca equilíbrio, no futebol você tem que defender e atacar. E é esse equilíbrio que vou buscar no Santos – explicou Fábio Carille.

– Na minha carreira e da minha comissão, já encontramos de tudo. E nos adaptamos às condições que o elenco poderia nos dar. Tive time de posse quando o Jô foi embora e achei Jadson e Rodriguinho por dentro, de contra-ataque em 2019, no Ittihad, na segunda temporada, um time mais de posse com chegada de reforços, de equilíbrio maior em 2017 – disse o treinador.

– O profissional não é dono de tudo e não tem certo e errado. Quanto antes soubermos o que o elenco pode nos dar, estaremos mais perto do sucesso. Gosto de equilíbrio, ter a bola no campo ofensivo, ter a bola, transições ofensivas e defensivas rápidas, pressão na bola. São detalhes que trarei para o Santos. Mas precisamos de tempo, então vai ser crescendo a cada dia para chegar perto do que espero – completou.

LEIA MAIS NOTÍCIAS SOBRE O SANTOS:

+Presidente do Santos nega erro médico no processo de recuperação de Marinho

+Carille é apresentado no Santos, fala em organização do time e “não inventar”: ‘Fazer a engrenagem funcionar da melhor forma possível’

+Marinho fala de cirurgia, cita erro médico e não garante permanência em 2022

+Carille desembarca no Brasil e confirma conversas com o Santos: ‘É chegar e fazer um grande trabalho’

+Diego Tardelli veste a camisa 99 do Santos e é apresentado: ‘É um privilégio muito grande’

O treinador ainda falou sobre o que espera da presença da torcida na Vila Belmiro no futuro. Carille ressaltou que a torcida é fundamental e que conhece a dificuldade de jogar no estádio.

– Já vi muitas vezes aqui, até como atleta, sabemos o quanto é difícil, o quanto a torcida empurra, e com o time bem organizado em campo, vai ser tornar muito mais forte. Espero esse momento. Sei como é difícil jogar aqui com a casa cheia, e essa torcida apoiando o tempo todo – afirmou o treinador.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top