São Paulo

Casares afirma que atacante deve ficar, fala sobre dívidas e mais; veja

Youtube/ SaoPauloFC

O presidente Julio Casares concedeu entrevista coletiva nesta sexta-feira (30) para fazer um balanço após pouco mais de 100 dias de gestão como presidente do São Paulo. O mandatário falou sobre diversos pontos importantes, como dívidas, investimentos, vendas de jogadores e contratações. Veja!

Na coletiva, foi relevado pelo presidente que o novo programa de Sócio Torcedor será divulgado na segunda quinzena de maio. Casares, muito focado na parte administrativa do clube, afirmou que viveu grande emoções desde o início da sua gestão, que aconteceu na reta final do Brasileirão 2020. Além disso, falou sobre a necessidade de mudanças desde aquela época:

“Chegamos (inicio da gestão) de forma atípica. Não podíamos implementar nenhum tipo de mudança. Claro que o futebol é um termômetro importante em que você atua sempre de olho no dia a dia. Nós entendíamos desde lá que precisaríamos mudar, só esperamos mudar a situação. O planejamento é feito de forma direta e com velocidade. Isso é um sinal de que o São Paulo não vai parar e não vai depender de um assunto A B ou C”.

Questionado sobre o andamento dos pagamentos e, justamente, sobre a saúde financeira da instituição, o presidente completou:

“O que assumimos de dívidas é uma realidade, principalmente as da FIFA, isso nos preocupa. Nós começamos a traçar um realinhamento das dívidas e reconhecemos. Tiramos a pressão do curtíssimo prazo e trabalhamos com crédito segurando os custos. Acertamos uma diminuição de 10% das nossas despesas logo nos primeiros dias. Caminhamos para um forma plena”.

Outro assunto que levanta questionamentos é a contratação de Daniel Alves, que aconteceu e foi acordada pela gestão anterior, com o ex-presidente Leco. Sobre isso, Casares falou e pontuou sobre a transparência de seus atos:

“Não teve planejamento (financeiro) com Daniel Alves (na época). Daniel tem uma boa vontade muito grande. Estamos tentando recuperar um pouco deste espaço perdido. É o maior lateral direito do mundo e tem que ser um produto de marketing. Ele tem sido um grande aliado para o São Paulo. Teremos a pendência liquidada. O que estamos fazendo aqui é transparência, até quando erramos”.

No São Paulo, não é só Daniel Alves quem tem problemas com salários atrasados. Por causa da pandemia, vários acordos foram feitos, também na antiga gestão, e caíram no colo do atual presidente. Ele falou:

“Nos fizemos um planejamento e houve uma conversa com todos os atletas e eles sentiram a transparência. De janeiro para cá está tudo em dia, precisamos equacionar os problemas da pandemia. Abrimos a situação aos atletas e eles são sócios para futuras receitas. Por exemplo: quando abrirmos a bilheteria, um pedaço para vai eles, quando vendermos alguém, um pedaço vai para eles. Gostaram muito! Entenderam o nosso processo”.

O São Paulo vai vender jogadores?

“A venda de jogador está prevista no orçamento. É algo que acontece no futebol. O São Paulo tem dois times. A cada semana chegam dois ou três jogadores. Quando você tem o elenco largo, você pode abrir mão de um ou dois jogadores. O São Paulo tem que ser visto de forma administrativa sem deixar o lado emoção de lado”.

Hernán Crespo está bem cotado no cenário internacional. Existe algum risco de saída breve?

Casares respondeu:

“Crespo está feliz e nós também. Respeita o São Paulo demais. Estamos felizes pela filosofia de jogo e não tenho dúvidas, queremos escrever algo por um bom tempo. Crespo vai corresponder e traçar uma linha muito importante na história do São Paulo”. “Ele faz com que todos estejam motivados e se provando. Não tenho dúvidas de que teremos uma vida longa, um perfil de equilíbrio e respeito. Sinal de trabalho”.

Por fim, uma ótima notícia ao torcedor que gosta do futebol de Galeano. Casares deu sinal verde para a contratação do jovem paraguaio:

“Todo grande jogador, o São Paulo vai trabalhar para a permanência. Vamos estabelecer nosso investimento de acordo com os limites. Não vamos cometer erros graves. Tudo tem que ter equilíbrio! Não tenho dúvida que o Galeano continuará no São Paulo, assim como outros atletas. Acreditamos muito que ele vai continuar”.

Para saber tudo sobre o São Paulo, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Facebook e Instagram.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top