Guarani

Centralizado ou ponta? Davó detalha preferência por posição no Guarani

Centralizado ou ponta? Davó detalha preferência por posição no Guarani
Crédito: Thomaz Marostegan / Guarani FC

Emprestado pelo Corinthians para disputa do Campeonato Paulista, Davó tem correspondido às expectativas nesta segunda passagem com a camisa do Guarani.

Coringa com Allan Aal, atacante comentou, em coletiva de imprensa, a respeito da posição favorita no atual esquema tático: aberto pela direita, como foi nas primeiras partidas, ou mais centralizado.

+ Davó celebra retomada de boa fase no Guarani: ‘Muito feliz com tudo isso’

“Eu sou um cara bastante crítico. Eu também me cobro bastante nos treinamentos e no dia a dia. O professor sabe a melhor situação. Acredito que, se ele está me colocando mais centralizado, é porque acredita no meu potencial e eu também acredito. Eu acredito que isso saia a natural. Eu estou feliz por poder estar ajudando o time. Não importa como, se é tirando a bola na linha, se é fazendo gol ou se é dando assistência. Então eu acho que isso daí vai vir ao natural. Eu tenho certeza de que vou poder estar ajudando o Guarani”, pontuou.

“O treinador deixa a gente bastante à vontade a respeito do ataque. A gente tem que ter o compromisso tático de correr e de marcar, mas a gente é bem à vontade ali para movimentar e para fazer jogadas. Então isso acaba ajudando bastante a gente que está ali dentro de campo a combinar jogadas, a movimentar e a ficar mais à vontade”, acrescentou.

AMBIÇÃO

Aos 21 anos, Davó, cria das categorias de base e negociado ao Corinthians por R$ 700 mil em setembro de 2019, falou sobre os sonhos pelo Guarani e a oportunidade de disputar o primeiro Paulistão em Campinas.

“O treinador deixa a gente bastante à vontade a respeito do ataque. A gente tem que ter o compromisso tático de correr e de marcar, mas a gente é bem à vontade ali para movimentar e para fazer jogadas. Então isso acaba ajudando bastante a gente que está ali dentro de campo a combinar jogadas, a movimentar e a ficar mais à vontade”, afirmou.

“É uma sensação muito diferente estar aqui. É onde eu me criei. É onde eu conheço todo mundo, desde a tia da cozinha até o presidente. Eu me sinto muito feliz e muito leve jogando aqui. Para mim, é um sonho realizado cada vez que eu subo e jogo com a camisa do Guarani”, fechou.

TABELA

Embalado por duas vitórias nos três últimos jogos, Guarani, com 11 pontos e na segunda colocação do Grupo D, volta a campo pelo Campeonato Paulista neste domingo, 02 de maio, diante do Novorizontino, no Brinco de Ouro da Princesa, às 20h.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top