Automobilismo

Charles Lecrerc mostra satisfação com quarto lugar na casa da Ferrari

Foto: Reprodução/Instagram @scuderiaferrari

Não foi como o êxtase da vitória em 2019, mas também não foi a tragédia do ano passado. Na casa da Ferrari, Charles Lecrerc, vencedor há dois anos e tendo abandonado na temporada passada, juntamente com Sebastian Vettel, seu antigo companheiro, ficou em quarto no GP de Monza, seguido do outro piloto da escuderia italiana, Carlos Sainz. Comparando com 2020, ele aprovou o desempenho da equipe.

– Não foi a corrida mais fácil, mas no final, se você olhar onde estávamos no ano passado e onde estávamos agora, é um grande passo em frente. Com certeza sei que os fãs não ficarão felizes em nos ver em quarto. Eu entendo isso, todos nós entendemos. Certamente não estamos onde queremos ainda, mas o passo foi enorme e temos que admitir isso também – explicou o monegasco.

Sergio Pérez, que terminou em terceiro, sofreu um acréscimo de cinco segundos no seu tempo, pois ultrapassou Charles Lecrerc fora dos limites de pista e atrapalhou o monegasco, que logo depois foi ultrapassado por Valtteri Bottas. Lecrerc afirmou que se esforçou ao máximo e afirmou que foi um dos seus melhores desempenhos na Fórmula 1.

– Senti que tinha dado absolutamente tudo na corrida, por isso estou feliz. Não havia muito mais que pudéssemos fazer. Todas as oportunidades que havia, eu tentei aproveitá-la. Assim que Valtteri passou por mim, tentei ultrapassá-lo novamente. E consegui, mas ele foi muito rápido. Foi muito difícil para nós ultrapassá-lo e muito fácil de ser ultrapassado. Honestamente, considero um dos meus cinco melhores desempenhos na Fórmula 1 – frisou.

A próxima corrida será o GP da Rússia, na cidade de Sochi, que vai acontecer daqui a duas semanas, no dia 26 de setembro.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top