Futebol Internacional

Chelsea vence Fulham com show de Havertz e encaminha vaga na UCL

Imago Images

Com dois gols de Kai Havertz, o Chelsea confirmou o favoritismo e venceu o Fulham por 2 a 0 no Stamford Bridge em jogo da 34ª rodada da Premier League.

Os visitantes pressionaram bastante no início e tiveram chance de abrir o placar, mas Kai Havertz marcou para os Blues na primeira finalização do Chelsea. O jogo permaneceu aberto pois o Fulham finalizou sete vezes e chutou três bolas no alvo, parando em grandes defesas do goleiro Mendy.

Logo no início do segundo tempo, a tabelinha alemã do Chelsea foi espetacular e originou o segundo gol de Havertz, que encaminhou a vitória dos Blues diante de um Fulham desconfortável e que não conseguiu mais ameaçar.

Com a vitória, o Chelsea se manteve em 4º lugar e chegou a 61 pontos com apena quatro jogos restantes na tabela do campeonato, restando torcer contra West Ham (55), Liverpool (54), Tottenham (53) e Everton (52, dois jogos a menos) que ainda sonham com a próxima Champions. Já o Fulham segue estacionado nos 27 pontos em 18º lugar, dentro da zona de rebaixamento. O Newcastle, 17º lugar, possui 36 pontos.

Na próxima quarta-feira (5), o Chelsea receberá o Real Madrid no jogo de volta pelas semifinais da Champions League. No final de semana (08/05, 13h30), o duelo será contra o Manchester City pela Premier League. O Fulham receberá no próximo dia 10 o Burnely (16h).

1º TEMPO

O Fulham surpreendeu o Chelsea ao começar marcando em cima e pressionando bastante as saídas dos Blues. Os primeiros dez minutos foram dominantes pelos visitantes que conseguiram chegar com perigo em duas oportunidades.

A primeira grande chance a favor do Fulham ocorreu na roubada de bola aos 5′, com Robinson desarmando Kai Havertz no meio-campo e avançando até a entrada da área e testar o goleiro Mendy, que fez sua primeira grande defesa no jogo.

Porém, os espaços estavam se oferecendo para o ataque dos Blues. No primeiro contra-ataque, Chilwell avançou pelo corredor esquerdo e cruzou rasteiro buscando Timo Werner, que não conseguiu avançar e desperdiçou.

Mas na segunda oportunidade o Chelsea aproveitou. Um lançamento espetacular de Thiago Silva caiu na medida para Mason Mount, que controlou bem a bola e deu um tapa na bola sensacional achando Kai Havertz na entrada da área pela esquerda, fazendo a infiltração e concluindo com bastante categoria para abrir o placar aos 10 minutos.

O Fulham seguiu pressionando as saídas do Chelsea para tentar a roubada de bola no campo de ataque, mas as linhas de marcação recuavam na medida que os Blues conseguissem avançar com lançamentos nas costas dos marcadores. Quando tinha a posse, os visitantes não conseguiam avançar até o último terço para criar jogadas.

Quando voltou a ser perigoso, o Fulham chegou novamente em roubada de bola no campo de ataque. Aos 21 minutos. Gilmour levou a pior e Maja conseguiu acionar Reid dentro da área em cruzamento rasteiro, mas o corte de Thiago Silva foi na medida e a bola saiu para escanteio. Na jogada seguinte, Lookman aproveitou os espaços para chutar firme de fora da área, mas o goleiro Mendy outra grande defesa.

Aos poucos, os Blues reagiram e retomaram o controle da partida, e uma nova chance no contra-ataque surgiu aos 38 minutos. Após erro de passe no meio-campo, a bola sobrou para Mount acionar Timo Werner na ultrapassagem pela direita, fazendo o cruzamento na entrada da área buscando Ziyech, que acabou parando na defesa do goleiro Aréola.

Já nos acréscimos, o Fulham construiu uma boa jogada e quase empatou. Em bola levantada para a área Aina pegou de primeira de frente para o gol. Em bola desviada, Mendy teve que se esticar evitar o gol no canto esquerdo em sua melhor defesa no primeiro tempo.

2º TEMPO

As equipes voltaram para o segundo tempo com as mesmas formações e estratégias. Entretanto, apenas três minutos foram suficientes para o Chelsea chegar ao segundo gol de forma semelhante ao primeiro, contando agora com uma tabelinha alemã espetacular entre Havertz e Werner, algo que pretende dar trabalho para os adversários da Alemanha na Euro 2020.

Tudo começou no lançamento em profundidade de Chillwell da esquerda do campo de defesa para a direita no campo de ataque. Havertz recebeu com paciência, trouxe pelo meio e acionou Timo Werner na entrada da área para dar um tapa de primeira e deixar Havertz na cara do gol, bastando finalizar para ampliar o placar.

O Fulham precisava demonstrar alguma reação para tentar reverter o placar, principalmente pela necessidade de ainda lutar contra o rebaixamento. Mesmo diante deste cenário, a equipe de Scott Parker tentou reagir mais nos contra-ataques pois o Chelsea ficou muito bem postado defensivamente durante a sequência do jogo.

Para os minutos finais, Ziyech deixou o campo para a entrada de Kanté para tentar manter a intensidade da equipe através da marcação, principalmente no meio-campo. Pouco depois, foi a vez de Tammy-Abraham entrar no lugar de Mason Mount, com o Chelsea já pensando no jogo de volta contra o Real Madrid pela Champions.

Apesar de ter aumentando o tempo de posse e bola, as tentativas do Fulham não foram efetivas pois os cruzamentos para a grande área eram cortados e as cobranças de escanteio eram facilmente defendidas. Sobrou para Scott Parker tentar ser mais ofensivo com as entradas de Carvalho e Onomah nos lugares de Lemina e Cavaleiro.

Contudo, as alterações não foram suficientes e o Chelsea conseguiu controlar a partida até o apito final sem tomar nenhum grande susto do Fulham. Os Blues até tiveram chance de ampliar nos acréscimos após Timo Werner partir em velocidade pelo meio e ser derrubado na entrada da área.

Números

  • Timo Werner é o primeiro jogador no Chelsea que registra mais de dez gols e dez assistências (11G, 10A) em sua temporada de estreia desde Eden Hazard em 2012/13.

Tabela da Premier League (oito primeiros)

PosTimeJVEDSGPTS
1Manchester City342554+4780
2Manchester United3319104+2967
3Leicester City341969+2263
4Chelsea3417107+2261
5West Ham United3316710+1055
6Liverpool331599+1654
7Tottenham Hotspur3315810+1853
8Everton3215710+452

Estatísticas

CHE 2FUL 0
Posse de bola48%52%
Finalizações510
Chutes no gol43
Escanteios18
Impedimentos71
Faltas158
Cartões Amarelos (Vermelhos)1 (0)1 (0)
Passes500505
Passes certos85%85%
Cruzamentos1/43/21
Dribles9/239/15

FICHA TÉCNICA Premier League 2020/21 – 34ª Rodada
Chelsea 2-0 Fulham

Data: 01/05/2021, 13:30
Estádio: Stamford Bridge
Árbitro: Kevin Friend

Gols: 1T 10′ Kai Havertz (Chelsea); 2T 4′ Kai Havertz (Chelsea)

Substituições – Chelsea: Kanté (Ziyech); Tammy Abraham (Mount0; Marcos Alonso (Chilwell)

Substituições – Fulham:: Onomah (Cavaleiro); Fabio Carvalho (Lemina); Mitrovic (Maja)

Chelsea (3-4-2-1): Mendy; Christensen, Thiago Silva, Zouma; Reece James, Billy Gilmour, Mason Mount, Ben Chilwell; Ziyech, Timo Werner; Kai Havertz. Técnico: Thomas Tuchel

Fulham (4-2-3-1): Aréola; Ola Aina, Joachim Andersen, Adarabioyo, Robinson; Anguissa, Lemina; Cavaleiro, Bobby Reid, Lookman; Maja. Técnico: Scott Parker

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top