Lutas

Dana White se coloca a favor de luta entre Chimaev e Nate Diaz

Khamzat Chimaev
Divulgação/Facebook UFC Brasil

Após mais uma vitória irretocável no UFC, desta vez sobre Li Jingliang, Khamzat Chimaev fez o pedido para uma luta contra Nate Diaz. E Dana White está disposto a dar ao russo o que ele quer.

O chefão do Ultimate teve conversa com o TMZ e afirmou que a ideia de Diaz e Chimaev, duas das estrelas que mais tem tido repercussão na entidade nos últimos tempos, se enfrentarem no octógono. é algo que lhe agrada. Ainda mais com o americano passando por sua última luta de seu atual contrato.

– Iremos falar com o Nate sobre isso. 100% de certeza – declarou White.

LEIA MAIS

+ Amanda Ribas celebra vitória em retorna ao UFC: “Mostrei o que queria”

+ Jan Blachowicz admite que Glover foi superior em derrota no UFC 267: “Não fui o campeão e ele foi”

+ Glover Teixeira comemora realização de ‘sonho de 20 anos’ com cinturão do UFC

Uma luta conta Diaz seria a maior, até o momento, envolvendo o lutador da Chechênia e radicado na Suécia. O ‘Borz’ venceu todas as quatro lutas que fez pelo UFC, todas elas ainda no primeiro round e está invicto nas dez lutas que fez no MMA profissional.

Mas não apenas os estrondosos resultados de Chimaev falam por si. Em pouco mais de um ano (e mesmo longe por muitos meses por causa da Covid-19 e suas consequência), o russo conquistou uma legião de fãs dedicada a transformar suas atitudes em memes para os fãs de MMA. Algo que Dana White está prestando atenção na busca por torcer o checheno a estrela capaz de substituir Khabib Nurmagomedov como representante dos lutadores do Cáucaso.

– Khamzat faz coisas que nunca vi alguém fazer na vida. Ele venceu mais lutas pelo UFC do que levou socos (segundo as estatísticas do Ultimate, o ‘Borz’ levou apenas um ‘golpe significante’ em quatro lutas). É insano. E tem outra coisa, quando a gente fez uma live no Instagram dele da entrada dele no octógono, quebramos todos os recordes. Foi a maior live que fizemos – afirmou o chefão.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top