Outro lado

Clubes e jogadores prestam homenagem ao humorista Paulo Gustavo, morto pela Covid-19

O ator, humorista e diretor Paulo Gustavo morreu na noite desta terça-feira (4) devido à complicações da Covid-19. Nas redes sociais, clubes e jogadores publicaram notas em homenagem ao humorista, considerado por muitas pessoas como um dos maiores da história do Brasil.

Flamengo, Fluminense, Vasco e Botafogo, do Rio de Janeiro, se pronunciaram sobre a perda; veja:

Além dos times de futebol, alguns ex-jogadores também se pronunciaram após a morte do humorista. Dentre eles, os craques da Seleção Brasileira Edmundo e Romário utilizaram seus perfis pessoais para desejar força aos familiares:

Paulo Gustavo estava internado desde o dia 13 de março, quando iniciou tratamento em um hospital privado em Copacabana, no Rio de Janeiro. Pouco tempo depois de ser internado, o artista precisou ser intubado devido à dificuldades respiratórias no dia 21 de março. Após alguns dias de uma pequena evolução, Paulo Gustavo voltou a piorar no início de abril, precisando passar por um tratamento conhecido como Oxigenação por Membrana Extracorpórea, cujo objetivo é auxiliar a função pulmonar. 

Além disso, no final de abril, houve uma nova piora: o ator apresentou um quadro de pneumonia bacteriana. De acordo com o último boletim médico, o ator morreu às 21h12. Ele tinha 42 anos e deixa dois filhos de 1 ano de idade, Romeu e Gael, e o marido, o médico Thales Bretas, com quem era casado desde dezembro de 2015.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top