Conmebol Sul-Americana

Com expectativa de Beira-Rio lotado, Internacional tenta reverter desvantagem contra o Colo-Colo

Ricardo Duarte/Internacional

Está terça-feira (05) será de decisão no Beira-Rio. Em casa, o Internacional recebe o Colo-Colo, do Chile, pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa Conmebol Sul-Americana. Na ida, triunfo dos “Caciques” por 2 a 0, o que resulta na obrigação de um placar elástico a favor do Colorado para os gaúchos ficarem com a vaga.

A vantagem do Colo-Colo, portanto, é grande. Para o time chileno avançar, pode até mesmo perder por um gol de diferença (1×0, 2×1, 3×2, etc.). Já o Internacional, se quiser sair com a vaga, diante dos mais de 40 mil Colorados que prometem lotar o Beira-Rio, precisará triunfar por 3, ou mais, tentos de vantagem (3×0, 4×1, 5×2, etc.). Nova diferença de dois (2×0, 3×1, 4×2, etc.) levará a decisão da vaga para as penalidades.

Além dos mais de 40 mil torcedores no estádio – os torcedores do Internacional esgotaram os ingressos – a expectativa é de outra postura em relação ao jogo de ida. Em entrevista para o “Canal do Inter”, o técnico Mano Menezes falou sobre isso, e indicou que a equipe está preparada para tentar reverter a desvantagem.

– A equipe precisa ter comportamento de jogo de uma Sul-Americana. Essa é uma outra disputa. Parte dos ensinamentos que trazemos, deste primeiro jogo, foi que fugiu das características dos anteriores, pela fase de grupos. Ainda é uma adaptação para alguns jogadores que não tem o hábito de disputar Libertadores e Sul-Americana. A equipe precisá ser forte, disputar e competir para fazer valer a diferença de qualidade técnica que temos no elenco. É isso que vamos fazer desde o primeiro minuto para buscar essa classificação, até o último minuto, ao lado do torcedor – argumentou Mano Menezes, técnico do Internacional.

Para saber tudo sobre o Internacional, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Uma postura diferente, além de um Beira-Rio lotado, não são as únicas coisas que dão confiança a equipe. Após diversos desfalques no Chile, o Internacional contará com o retorno de três importantes titulares – David, Bustos e Carlos de Pena. Na entrevista, inclusive, o próprio Mano Menezes confirmou a volta dos três, o que faz do Colorado mais forte.

– Podemos confirmar, mesmo, a volta de Bustos, David e De Pena. Jogadores que estiveram em recuperação nas últimas horas. Renê não foi possível para essa partida. Mas a volta dos três nos dá uma possibilidade maior de opções para gente ter uma equipe bastante forte na parte ofensiva. Temos uma desvantagem de 2 a 0 que precisamos reverter, então as atenções se voltam mais para a criação de jogadas, para a força ofensiva da equipe. Eles podem dar uma condição bastante boa para nós – finalizou Mano Menezes, que espera um Internacional no ataque.

Com os retornos, portanto, é possível imaginar um Internacional com bastante mudanças, em comparação ao jogo de ida. A tendência de momento é o Colorado atuar com: Daniel; Bustos, Gabriel Mercado, Vitão e Moisés; Gabriel, Edenilson, Carlos de Pena e Alan Patrick; Pedro Henrique e David.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top