Futebol Internacional

Com gol de Gabriel Jesus e estreia de joia brasileira, City goleia time da 4ª divisão e avança na FA Cup

Gabriel Jesus marcou um dos gols da goleada do Manchester City. Foto: Michael Regan/Getty Images.

O Manchester City goleou o Swindon Town, da quarta divisão inglesa, por 4 a 1 na tarde desta sexta-feira (7). Em partida pela 3ª rodada da FA Cup, disputada no modesto e lotado County Ground, Bernardo Silva e Gabriel Jesus marcaram no primeiro tempo, Gündoğan ampliou a vantagem no segundo tempo, McKirdy diminuiu para delírio da torcida e Cole Palmer fechou a goleada.

Sem o técnico Pep Guardiola e alguns jogadores não revelados, com Covid-19, o City foi comandado pelo auxiliar Rodolfo Borrell, mas demonstrou o domínio exibido ao longo da temporada. Já no final do jogo, o ex-Fluminense Kayky fez sua estreia pelo time principal do time de Manchester.

O resultado coloca o City na 4ª rodada da Copa da Inglaterra, que deverá ser disputada na primeira semana de fevereiro. O adversário será definido após a conclusão das partidas da rodada atual.

Na briga pelo acesso à terceira divisão, o Swindon volta a campo na terça-feira (11), contra o Mansfield Town, enquanto o City tem um confronto duro contra o Chelsea no sábado (15), às 9h30 (horário de Brasília), pela Premier League.

O JOGO

Primeiro Tempo

Como esperado, o City partiu para cima do Swindon no começo do jogo. Logo no primeiro minuto, o jovem Palmer recebeu pela direita, cortou para o meio e bateu, mas a bola desviou na zaga e saiu. Pouco depois, João Canelo descolou boa jogada pela esquerda e cruzou rasteiro para Bernardo Silva bater de primeira e perder grande chance.

Apesar de o Swindon tentar responder, mas parar na defesa do City, não demorou para os visitantes abrirem o placar. Aos 14 minutos, Palmer recebeu na direita, escapou da marcação e cruzou para Bernardo Silva aparecer sem marcação na pequena área e só ter o trabalho de empurrar para o gol.

Bernardo voltou a aparecer na sequência quando Odimayo vacilou e a bola sobrou para o português sair cara a cara com o goleiro Ward e mandar por cima. Em outra saída errada do Swindon, Gabriel Jesus recuperou e cruzou para Palmer bater e o arqueiro fazer a defesa.

Se nos dois primeiros erros o City perdoou, no terceiro não teve alívio. Aos 28’, Reed errou um domínio perto da área, Gabriel Jesus retomou a bola, tabelou com De Bruyne e bateu colocado, para ampliar a vantagem dos Citizens.

O garoto Cole Palmer tentou aproveitar a chance como titular e se destacou pelo lado direito. O jovem de 19 anos fez mais uma grande jogada por aquele setor e bateu já dentro da área, mas novamente em cima da marcação.

Em seguida, o goleiro Steffen errou na saída de jogo e tocou a bola diretamente para McKirdy, mas o atacante do Swindon tentou bater de cobertura e não pegou bem na bola, para tranquila defesa do estadunidense.

Depois de administrar a partida por alguns minutos, o City voltou a pressionar no finzinho do primeiro tempo. Primeiro numa cobrança de falta de De Bruyne, que passou por todo mundo na grande área. Na sequência, João Cancelo acertou um chutaço de longe, mas a bola foi na rede pelo lado de fora.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

Segundo Tempo

Os times voltaram sem alterações dos vestiários e a partida seguiu com total domínio do City, que manteve a pressão da primeira etapa.

Aos dez minutos, De Bruyne se chocou com Iandolo pelo alto e levantou preocupação dos companheiros, mas logo foi atendido e voltou ao jogo. Na cobrança da falta, Gündoğan bateu por fora da barreira e marcou o terceiro do City no jogo.

Apenas cinco minutos depois, Gabriel Jesus foi derrubado por dois marcadores na área e o juiz Darren England deu pênalti. O próprio brasileiro foi para a bola e bateu no canto esquerdo, mas o goleiro Lewis Ward se esticou todo e fez a defesa, para delírio dos torcedores presentes no estádio.

Após um período de pouca movimentação e substituições dos dois treinadores, o City voltou a incomodar o Swindon com Gündoğan, que trabalhou pelo meio e bateu da entrada da área para grande defesa de Ward.

E se a torcida do Swindon já havia comemorado uma defesa de pênalti, o gol de honra do time da casa fez o estádio explodir. Aos 33 minutos, num erro duplo de Cancelo e Rodri, Williams recuperou a bola e lançou McKirdy, que invadiu a área e bateu cruzado, para muita festa no County Ground.

Embalado pelos torcedores, o Swindon foi ao ataque. Crichlow completou cobrança de falta, mas mandou por cima do gol. Porém a animação durou pouco, já que aos 36’, Palmer, aproveitando sobra de chute de Bernardo Silva, pegou o rebote e bateu bonito, no ângulo, para fazer o placar virar goleada.

Já nos minutos finais, o jovem brasileiro Kayky, de 18 anos, entrou na partida no lugar de Cole Palmer e fez sua estreia pelo time principal do City. Rodri ainda quase fez o quinto gol do jogo num belo chute de longe, que carimbou o travessão.

FICHA TÉCNICA

FA Cup – 3ª Rodada

Swindon Town x Manchester City

Data: 07/01/2022, 17h (horário de Brasília)

Estádio: The County Ground, Swindon, Inglaterra

Árbitro: Darren England

Gols: 1ºT – 14’ Bernardo Silva (Manchester City) e 28’ Gabriel Jesus (Manchester City)  2ºT – 10’ Gündoğan (Manchester City), 33’ McKirdy (Swindon Town) e 36’ Palmer (Manchester City).

Swindon Town (3-5-2): Lewis Ward; Odimayo (Crichlow), Conroy e Rob Hunt; Louis Reed (Ryan East), Kaine Hayden, Iandolo, Lynden e Gladwin (Jonny Williams); McKirdy (Mohammad Dabre) e Tyreece Simpson (Harry Parsons). Técnico: Ben Garner.

Manchester City (4-1-4-1): Steffen; Walker, Rúben Dias, Aké (Mbete-Tabu) e Cancelo; Rodri; Bernardo Silva, Gündoğan (Romeo Lavia), De Bruyne (McAtee) e Cole Palmer (Kayky); Gabriel Jesus. Técnico: Rodolfo Borrell.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top