Avaí

Com gol nos acréscimos, Guarani é derrotado pelo Avaí na Ressacada

Crédito: André Palma Ribeiro / Avaí FC

Mesmo com outra postura em relação às últimas atuações, o Guarani foi derrotado pelo Avaí pelo placar de 2 a 1, no Estádio da Ressacada, neste sábado à noite, pela 37ª e penúltima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

O Bugre saiu atrás com 21 minutos do primeiro tempo em gol de Fagner Alemão, de cabeça, mas o atacante Júnior Todinho, artilheiro do elenco na temporada com 12 gols, foi à rede após o intervalo. No fim, Jonathan decretou o resultado positivo aos catarinenses.

Com o revés, o Alviverde amplia a sequência negativa na competição nacional, sem vencer há seis rodadas, segue estacionado em 48 pontos e ocupa, provisoriamente, o 12º lugar.

Os comandados de Felipe Conceição encerram participação na competição nacional na próxima sexta-feira, 29 de janeiro, diante do Juventude, na briga pelo acesso, a partir das 21h30, no Estádio Brinco de Ouro da Princesa.

PRIMEIRO TEMPO:

Os 15 primeiros minutos em Florianópolis foram de erros, estudo, marcação e pouquíssimas emoções. O panorama, porém, mudou da água para o vinho a partir de então.

O Guarani viu o cenário de alguns jogos anteriores se repetir e, ao não aproveitar a oportunidade clara no ataque – desta vez, com Rickson cara a cara com o goleiro azurra -, foi castigado com gol de Fagner Alemão, ao completar cruzamento de escanteio, em falha de Gabriel Mesquita, aos 21 minutos.

O tento catarinense, por mais contraditório que possa ter parecido, conectou os atletas campineiros na partida e acendeu o Guarani, que passou a ter o controle do jogo e construiu as principais chances de ir à rede. Em pouco tempo, foram dois chutes na trave, com Pablo e Júnior Todinho, ambos de fora da área, e uma finalização salva em cima da linha.

Com controle de posse de bola até o intervalo, o clube campineiro teve o domínio do confronto, inclusive com boa participação de Rickson, Júnior Todinho e Pablo pelo lado direito, enquanto o adversário fez uso da bola parada e contra-ataques para tentar ampliar a vantagem.

SEGUNDO TEMPO:

O Guarani manteve a volúpia e a intensidade da etapa inicial e, logo com sete minutos, igualou o marcador em finalização de Júnior Todinho, desviada por Fagner Alemão, em lance bem construído coletivamente.

O confronto, entretanto, perdeu energia e ficou baseado mais na força do que na técnica. As melhores oportunidades alviverdes saíram dos pés de Renanzinho, em arremate da entrada de área, e em cabeçada no Didi quase já na reta final.

No último lance, o Avaí, que já tinha acertado a trave com Jô, alcançou vitória heroica com tento de Jonathan, aos 52 minutos, cara a cara com Mesquita.

FICHA TÉCNICA: AVAÍ  2 x 1  GUARANI

AVAÍ: Glédson; Edílson, Fagner Alemão, Betão e João Lucas; Ralf (Iury), Pedro Castro e Vinícius Leite (Bruno Silva); Renato (Jô), Getúlio e Rômulo (Jonathan). Técnico: Claudinei Oliveira

GUARANI: Gabriel Mesquita; Pablo, Didi, Walber e Eliel (Erick Daltro); Marcelo (Romércio), Rickson e Murilo Rangel; Renanzinho (Rafael Costa), Júnior Todinho (Cristovam) e Waguininho. Técnico: Felipe Conceição

Gols: Fagner Alemão e Jonathan (AVA) e Júnior Todinho (GUA)

Cartões amarelos: Rômulo (AVA) e Marcelo e Eliel (GUA)

Cartões vermelhos: Edílson (AVA) e Walber (GUA)

Local: Estádio Aderbal Ramos da Silva (Ressacada), em Florianópolis (SC)

Público e renda: portões fechados

Árbitro: Diego Pombo Lopez (BA)

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top