Futebol Internacional

Com golaço de falta de Krunic, Milan vence Hellas Verona

Escalações:

O Milan, que tinha 9 problemas de lesão, foi escalado para manter a competitividade e, ao mesmo tempo, poupar para o jogo da UEL. Com isso, Pioli escolheu Donnarumma; Calabria, Tomori, Romagnoli e Dalot; Meité e Kessié; Saelemaekers, Krunic e Castillejo (Hauge); Rafa Leão.

Já o Verona foi escalado com Silvestri; Magnani, Gunter (Dimarco) e Ceccherini; Faraoni, Tameze, Veloso (Ilic) e Lazovic; Barak (Bessa), Zaccangni (Salcedo); Lasagna (Andrea Favilli).

O Milan, diferente do que se esperava pelo número de desfalques, foi dominante e controlou o resultado com tranquilidade. O primeiro gol, marcado por Krunic, foi uma obra de arte. Na cobrança de falta, o bósnio mandou a bola por cima da barreira e acertou o canto direito do gol.

Já o segundo gol foi marcado por Dalot, no segundo tempo. No passe de Saelemaekers para a área, Rafael Leão fez o corta-luz e Dalot pegou em cheio para ampliar o placar.

O Milan foi consistente durante os 90 minutos. Não haviam opções no banco, já que boa parte foi ao jogo com algum problema físico. No entanto, os rossoneri se superaram e levaram os três pontos antes do confronto com o Manchester United pela Liga Europa.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top