Futebol Internacional

Com golaço de Malcom, Zenit atropela Lokomotiv Moscou e conquista 8º título russo

Zenit se sagrou campeão russo pela oitava vez na história. Foto: Reprodução/Twitter FC Zenit.

A Rússia foi mais um país a sagrar um campeão neste domingo (2). O Zenit goleou o Lokomotiv Moscou, segundo colocado, por 6 a 1 e chegou ao oitavo título nacional conquistado, o terceiro seguido.

O placar foi aberto aos 19 minutos do primeiro tempo com o artilheiro Artem Dzyuba. Depois de um bate-rebate dentro da grande área, a bola sobrou para o atacante dar um belo toque por cobertura por cima do goleiro brasileiro naturalizado russo, Guilherme.

O Zenit ampliou  aos 38 com Azmoun, que completou de cabeça um cruzamento de Driussi. No último lance do primeiro tempo, Azmoun, novamente, aumentou a vantagem de pênalti.

Azmoun alcançou o hat trick logo no primeiro lance da segunda etapa. Depois de cruzamento de Malcom, o iraniano apareceu na segunda trave para completar e fazer o placar virar goleada.

Dzyuba marcou o quinto gol do jogo aos cinco minutos após aproveitar sobra de chuta na trave. A zaga do Zenit vacilou na saída e o Lokomotiv aproveitou para diminuir com Kamano.

Mas o Zenit ainda fecharia o placar da melhor maneira possível, com um golaço de Malcom. O brasileiro tabelou com Dzyuba na entrada da área e bateu de longe, sem chances para Guilherme.

+ Ajax goleia Emmen e vence título holandês pela 35ª vez

Com a vitória, o Zenit chegou aos 61 pontos e, com dois jogos a serem disputados, não pode ser mais alcançado pelo Lokomotiv, com 52.

Este foi o terceiro título consecutivo da equipe, que dominou a última década do futebol russo. Cinco dos oito títulos nacionais do Zenit foram conquistados nos últimos dez anos. Além de Malcom, os brasileiros Wendel e Douglas Santos integram o elenco que foi campeão.

Além do título, o clube garante também a vaga direta na fase de grupos da Uefa Champions League. O Zenit ainda encara o Ufa e o Tambov nas rodadas finais do campeonato russo. 

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top