Ponte Preta

Com goleada ante a Chape, Ponte volta a sofrer cinco gols após mais de três anos

Ponte Preta não sofria cinco gols no mesmo jogo desde fevereiro de 2017 | Crédito: Márcio Cunha / Chapecoense

Antes de ser goleada pela Chapecoense por 5 a 0, na última terça-feira à noite, no Estádio Moisés Lucarelli, a Ponte Preta não sofria cinco gols no mesmo jogo há mais de três anos.

A última marca tão negativa amargada pela Macaca foi no revés pelo placar de 5 a 2 diante do São Paulo, em 12 de fevereiro de 2017, no Campeonato Paulista.

LEIA MAIS: Ponte Preta registra Ruan Renato no BID e ganha reforço para Série B

Na partida disputada no Morumbi, Alvinegra, sob comando técnico de Felipe Moreira, foi vazada por Gilberto (3), Thiago Mendes e Cueva, ao passo que Matheus Jesus e Lucca descontaram.

O confronto também marcou a estreia do técnico Rogério Ceni em casa pelo Tricolor.

“O que deu errado é… primeiro é o mérito do adversário. É uma adversário que está na parte da frente da tabela ali e não é à toa. É um time muito bem treinando e já vem jogando junto há um tempo”, declarou o técnico Marcelo Oliveira, depois de tropeço frente o clube catarinense.

“Alguns gols eram evitáveis, por mais que a gente possa pensar que a Chapecoense atacou bastante e chegou pelo seu entrosamento e pela sua qualidade, mas alguns gols eram evitáveis. A Chapecoense usa muito bem o contra-ataque e acabou fazendo os gols, que nos levaram a essa derrota surpreendente”, pontuou.

E AGORA?

Com goleada sofrida diante da Chapecoense, Ponte Preta segue estacionada em quarto lugar na Série B do Campeonato Brasileiro, com 27 pontos em 17 rodadas.

Desta vez com tempo curto de preparação, time campineiro volta a campo no próximo sábado, em 24 de outubro, diante do CRB, às 16h, no Estádio Rei Pelé, em Maceió.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top