Atlético-MG

Com ‘respaldo’, Cuca indica Hulk titular e reage a erros de Tchê Tchê: ‘Vamos corrigir’

Com novo gol de Hulk, que ainda deu assistência para Hyoran marcar um e sofreu o pênalti convertido por Guga, o Atlético-MG venceu o Tombense por 3 a 0 neste sábado, pela ida da semifinal do Campeonato Mineiro. Após marcar pelo segundo jogo seguido, o camisa 7, homônimo do personagem de quadrinhos, parece finalmente ter dado o respaldo que Cuca requisitava. Ao ser perguntando sobre o atacante, o treinador relembrou uma fala anterior para justificar o status do ‘novo’ titular:

– Vou responder com outra pergunta. Eu sábado passado, nesse lugarzinho aqui, falei que a gente tem confiança em que nos dá o respaldo. Ele está dando o respaldo para a gente hoje? Então acredite que ele é o titular.

Apesar da vitória elástica, a partida no Independência contou novo erro de Tchê Tchê. O volante, contratado a pedido de Cuca e titular desde que chegou à Cidade do Galo, voltou a errar perdendo uma bola na entrada da área, o que ocasionou a expulsão do goleiro Everson. O jogador de 28 anos já havia prejudicado o Alvinegro na última terça-feira, ao, na mesma região do campo, bobear e permitir um gol do América de Cali pela Libertadores.

– No último jogo, ele teve uma escolha errado, saiu para o lado errado, não fez a falta e acabamos tomando o go. Hoje, lançamento do goleiro, ele posicionou o corpo para atrasar a bola para nosso goleiro, ele jogo que foi tocado, não sei se foi falta, são toques de jogo, o que acabou o deslocando. É conversar com ele pois é importante para nós. Construção de jogada, movimentação, mudança de direção.

“Nossos gols estão sendo construídos no princípio das jogadas e aí ele tem sido importante. Dentro dessa importância, temos que corrigir algumas coisas, entre elas esse último homem, quando ele ficar, para não ter este tipo de erro. Vamos corrigir o quanto antes e com certeza não vai ocorrer mais“, garantiu Cuca.

Após o erro de Tchê Tchê e a expulsão de Everson em lance de pênalti para o Tombense, Matheus Mendes foi a campo. Na ausência de Rafael, que passou por cirurgia nesta semana, o terceiro goleiro do Galo não só defendeu a cobrança, como também parou o rebote. O jovem, que esteve emprestado ao CSA na última temporada, ainda fez boas defesas até o fim do duelo em Belo Horizonte.

– Ficamos muito felizes e mostra aí que, apesar de ter perdido o Rafael, que é perda enorme, estamos bem servidos de goleiro também – afirmou Cuca.

Se nada extraordinário ocorrer, Matheus Mendes será o titular na partida de volta contra o Tombense no próximo sábado (8), novamente às 16h30, no Mineirão. O Atlético-MG pode perder até por três gols de diferença que ainda se classifica para a final do Campeonato Mineiro, uma vez que tem a vantagem do empate em gols por ter feito a melhor campanha na primeira fase.

SIga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top